Sociedade | 29-04-2023 15:00

Cuidados Paliativos são importantes para dar mais qualidade de vida aos doentes

Sessão promovida pelo Centro Hospitalar do Médio Tejo explicou, entre outras coisas, que o objectivo dos cuidados paliativos não é curar uma doença, mas sim cuidar das pessoas doentes e ajudá-las a viver a sua vida da forma mais normal possível.

A Equipa Intra-Hospitalar de Suporte em Cuidados Paliativos (EIHSCP) do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT), em parceria com o “CASTIIS – Cuidar de Quem Cuida”, organizou um dia aberto que envolveu quatro sessões temáticas que pretenderam ser um contributo para a capacitação dos cuidadores e, consequentemente, para a qualidade dos cuidados prestados aos utentes e/ou familiares. Os temas abordados pretenderam clarificar o que são os Cuidados Paliativos, as estratégias de comunicação com o utente/família, passando também por dicas para o dia-a-dia sobre alimentação e posicionamentos, terminando no luto.

Os Cuidados Paliativos foram descritos como sendo cuidados de saúde holísticos, activos, que procuram melhorar a qualidade de vida dos utentes, das suas famílias/cuidadores, pela prevenção e alívio do sofrimento diário, através da identificação precoce, diagnóstico e tratamento adequado da dor e de outros problemas, sejam físicos, psicológicos, sociais ou espirituais. Nos cuidados paliativos, o objectivo não é curar uma doença, mas sim cuidar das pessoas doentes e ajudá-las a viver a sua vida da forma mais normal possível, ao mesmo tempo que lidam com a doença”, explica a instituição em comunicado.

David Matias, médico e membro da unidade do CHMT, aproveitou para referir a importância que o trabalho em equipa tem nos cuidados paliativos, “possibilitando que equipa e os utentes tenham um canal de comunicação muito próprio, directo e que isso resulta não só da formação, mas também da experiência da equipa”.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo