Desporto | 25-04-2023 13:28

Câmara de VFX tenta revogar protocolo com Vilafranquense para impedir SAD de usar o Cevadeiro

Câmara de VFX tenta revogar protocolo com Vilafranquense para impedir SAD de usar o Cevadeiro
Campo do Cevadeiro em Vila Franca de Xira já não reúne condições para receber jogos da Segunda Liga nacional

Se estão de saída, então saiam do nosso campo. É desta forma que a Câmara de Vila Franca de Xira reage ao anúncio da saída da SAD do Vilafranquense para a vila das Aves e está a estudar uma forma de fechar o campo municipal do Cevadeiro nos próximos dias. David Pato Ferreira foi ainda mais directo: façam as malas e deixem o clube para os vilafranquenses.

Os serviços jurídicos da Câmara de Vila Franca de Xira estão a avaliar a possibilidade de revogar o protocolo existente de cedência do Campo Municipal do Cevadeiro ao Vilafranquense para, dessa forma, impedir rapidamente que a Sociedade Anónima Desportiva (SAD) o continue a usar até ao final da época, que termina em Junho. A decisão foi anunciada em reunião de câmara, depois da SAD liderada por Henrique Sereno anunciar abandonar Vila Franca de Xira, depois de dois anos e meio a lutar contra falta de condições para disputar jogos da II Liga. Uma decisão que deixou um amargo de boca na comunidade, nos adeptos e na câmara.

“Todo este processo foi conduzido, no mínimo, de forma dúbia. A SAD usa um espaço camarário e precisa dele até ao final de Maio. Não tenho nervos de aço. Basta desta brincadeira e temos de dizer a um conjunto de gente que acha que se serve dos concelhos a seu belo prazer que está na hora de fazer as malas. Deixem o clube e a cidade aos vilafranquenses e unionistas”, criticou David Pato Ferreira, vereador da coligação Nova Geração (PSD/PPM/MPT). O autarca defendeu a aprovação de uma revogação da cedência do campo, para que isso seja feito “imediatamente” de forma a impedir a SAD de continuar a treinar em VFX. Fernando Paulo Ferreira concordou e instruiu os serviços jurídicos a analisar a ideia.

O presidente do União Desportiva Vilafranquense (UDV), Márcio Oliveira, tem recusado falar do caso mas ao presidente do município já pediu uma audiência urgente para definir a utilização futura do campo municipal. “Ele deu-me conta que o clube e não a SAD voltará a tomar conta do futebol na próxima época, desde os escalões de formação e que não está prevista qualquer utilização das suas instalações desportivas pela SAD cessante”, avançou Fernando Paulo Ferreira.


* Notícia desenvolvida na edição semanal de O MIRANTE

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo