Economia | 02-05-2021 15:00

DECO ajuda consumidores a poupar na factura de electricidade

DECO ajuda consumidores a poupar na factura de electricidade
ECONOMIA

Os consumos têm disparado em tempo de pandemia e por isso a DECO criou um gabinete para aconselhar os consumidores e ajudá-los a pouparem nas facturas.

A DECO - Defesa do Consumidor concluiu que o valor das facturas de energia eléctrica aumentou em Janeiro 31% em relação ao mesmo mês de 2020. Situação que se deve ao facto do Inverno ter sido muito frio e ao confinamento. A DECO refere que a facturação de energia no primeiro trimestre de 2021 aumentou 61% face ao mesmo período do ano passado.

No que toca a denúncias, há casos de pessoas que recorreram à DECO por terem recebido facturas de electricidade de 200 euros num mês de consumo quando o valor médio que costumavam pagar seria de 80 euros. Situação que se deve à utilização de aparelhos de aquecimento que consomem muita energia. A instituição elogia ainda a medida do Governo de redução de 10% da tarifa de electricidade, mas sublinha que este apoio é diminuto face ao aumento de consumo verificado.

Para ajudar os consumidores a lidarem com estas situações e a gerir melhor os consumos, a DECO criou um Gabinete de Aconselhamento de Energia. Uma estrutura que conta com 35 técnicos preparados para informar e ajudar a melhorar a eficiência energética da sua casa, a gerir os seus consumos, a compreender o funcionamento do mercado de energia, bem como a recorrer a mecanismos de apoio em situação de pobreza energética.

Quem pretender recorrer ao Gabinete de Aconselhamento de Energia da DECO, inserido no projecto Soluções para Combater a Pobreza Energética, financiado pelo programa H2020 da EU, os consumidores têm ao dispor a linha da DECO de Santarém: 243 329 950 ou o e-mail: energia@deco.pt. Os consumidores que pretendam saber mais sobre o consumo eficiente de energia podem ver os vídeos disponíveis nas redes sociais da DECO.

Mais Notícias

    A carregar...