Economia | 14-05-2023 07:00

Ourém mantém liderança em criação de empresas no Médio Tejo

Ourém consolida-se como um importante pólo empresarial no Médio Tejo e um exemplo de sucesso no empreendedorismo.

O lançamento dos dados estatísticos do Instituto Nacional de Estatística (INE) de 2021, apresentou o número de empresas criadas e o volume de negócios registado por municípios do Médio Tejo. A região do Médio Tejo está em linha com os resultados a nível nacional, tendo alcançado a criação de 2.975 novas empresas em 2021, o que confirma um aumento face aos valores de 2019 e 2020.
De acordo com os dados do INE, Ourém continua a ser o concelho que regista o maior número de empresas criadas na região do Médio Tejo, com 661 novas empresas criadas em 2021, e o segundo concelho que regista o maior volume de negócios, de aproximandamente 1.600 milhões de euros, superado apenas por Alcanena. Ourém consolida-se assim como um importante pólo empresarial no Médio Tejo, com uma saudável vitalidade financeira, e um exemplo de sucesso no empreendedorismo, mantendo a liderança em criação de empresas na região.
A análise aos dados reportados verifica ainda que o ano de 2021 foi marcado pela recuperação do sector empresarial, com a criação de 187.036 novas empresas em Portugal, um crescimento de 21,2% face ao ano anterior.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1664
    15-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo