Economia | 20-07-2023 07:00

Ourém lança plataforma na Internet para ajudar jovens durante visita do Papa

Nos dias 4 e 5 de Agosto vão estar disponíveis online informações úteis sobre como chegar a Fátima, onde estacionar, condicionamentos de trânsito, farmácias, onde comer e dormir, entre outras.

O Município de Ourém lançou uma plataforma na Internet para ajudar os jovens por ocasião da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que contempla a deslocação do Papa a Fátima, cidade onde vai criar pontos ‘wi-fi’ gratuitos. A plataforma foi apresentada no decorrer de uma conferência de imprensa para divulgar os trabalhos em curso de preparação da JMJ no concelho, incluindo a criação de três pontos de rede de Internet sem fios, junto ao Posto de Turismo de Fátima e nos dois acampamentos autorizados, com capacidade total para 3.500 pessoas, próximo do campo de futebol João Paulo II e na Avenida João XXIII.
A JMJ vai realizar-se entre 1 e 6 de Agosto em Lisboa, estando anunciada a deslocação do Papa Francisco ao Santuário de Fátima no dia 5. Na plataforma, https://fatima2023jmj.ourem.pt/, há informações sobre como chegar a Fátima, onde estacionar (e lotação aproximada), as condicionantes de trânsito, os pontos de apoio (farmácias, acampamentos, casas de banho, bebedouros, entre outros), onde comer e dormir, que outros locais se podem visitar no concelho ou a ligação ao sítio na Internet do Santuário de Fátima para a JMJ.
Em cinco idiomas, português, espanhol, inglês, francês e italiano, a plataforma, criada internamente pelos serviços municipais, inclui ainda um mapa interactivo e contactos úteis, incluindo do apoio consular para cidadãos estrangeiros em casos de emergência.
O chefe de gabinete do presidente da Câmara de Ourém, Filipe Baptista, salientou que o ‘site’, que vai também estar disponível numa aplicação para telemóvel, é “extremamente simples e útil” para os jovens. Adiantou que quanto à credenciação para a população poder circular na cidade Fátima aguarda-se que a GNR faça a validação, para ficar disponibilizada nesta plataforma.
O presidente da Câmara de Ourém, Luís Albuquerque, esclareceu que será o município a gerir também esta matéria, apenas para vigorar nos dias 4 e 5 de Agosto. Aos jornalistas, Luís Albuquerque referiu que a maior preocupação é a segurança e que “a cidade não pare” e que “possa continuar a funcionar dentro dos condicionalismos o mais normal possível”. “São duas preocupações grandes que temos e foi por aí que temos estado a trabalhar”, disse.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1672
    10-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1672
    10-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo