Economia | 29-07-2023

Casa de Repouso Sonhos Meus proporciona bem-estar e conforto há vinte e cinco anos

1 / 4
Casa de Repouso Sonhos Meus proporciona bem-estar e conforto há vinte e cinco anos
2 / 4
Casa de Repouso Sonhos Meus proporciona bem-estar e conforto há vinte e cinco anos
3 / 4
Casa de Repouso Sonhos Meus proporciona bem-estar e conforto há vinte e cinco anos
4 / 4
Casa de Repouso Sonhos Meus proporciona bem-estar e conforto há vinte e cinco anos

Cínia Pereira deu continuidade a um sonho da sua mãe, com quem trabalhou desde a fundação.

A Casa de Repouso Sonhos Meus nasceu há 25 anos, fundada por Mavildia Dionísio e é actualmente gerida pela sua filha, Cínia Pereira, que ali trabalhou desde o início.
Localizada no Bairro do Simões, em Marinhais, concelho de Salvaterra de Magos, está instalada num edifício térreo, num local sossegado, onde passam poucos carros e onde ainda é possível ouvir o chilrear dos pássaros. Dispõe de nove quartos duplos, três individuais e um triplo, tendo capacidade para alojar 24 pessoas.
Conta com uma equipa motivada e bem preparada, composta por 14 funcionários onde se incluem um médico, uma enfermeira e uma animadora. Algumas das actividades disponíveis na Casa de Repouso Sonhos Meus são ginástica, ateliê de culinária, jogos lúdicos e realização de vídeos.
Na festa do 25º aniversário, a 15 de Junho, marcaram presença as marchas do Coração do Ribatejo de Salvaterra de Magos e um duo musical que animou os participantes, alguns dos quais não resistiram a dançar.
A Casa de Repouso Sonhos Meus tem licença de funcionamento atribuída pela Segurança social desde 2002, actualmente com o nº13/2017. O atendimento ao público é de segunda a sexta, das 09h00 às 11h30 e das 14h00 às 16h30 e ao fim de semana por marcação. Os interessados podem visitar as instalações às sextas, sábados e domingos à tarde.
A gerente, Cínia Pereira, é defensora de um envelhecimento repleto de afectos e cuidados e tenta que, apesar de residirem na Sonhos Meus, os idosos mantenham um contacto regular com as famílias. Profissionalmente diz sentir-se realizada com o que faz.
“O mais gratificante deste trabalho são, sem dúvida, as histórias de vida de cada utente; a envolvência e ligação que se cria não só com cada um, mas também com a família deste e a possibilidade de podermos dar conforto, carinho e bem estar aos idosos neste período das suas vidas.”.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo