Economia | 02-06-2024 07:00

Greve na Valorsul complicou recolha de resíduos em Vila Franca de Xira

Sindicato critica falta de disponibilidade da empresa responsável pelo tratamento e valorização dos resíduos em chegar a acordo, mas a Valorsul em comunicado garante que vai aumentar salários em 4,7%.

Os trabalhadores da empresa de resíduos Valorsul, responsável pelo tratamento e valorização dos resíduos recicláveis e resíduos sólidos urbanos produzidos em 19 concelhos das regiões de Lisboa e Oeste, estiveram em greve de 22 a 26 de Maio, situação que comprometeu a recolha de resíduos, incluindo no concelho de Vila Franca de Xira.
A luta laboral teve uma “boa adesão”, no entender do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Actividades do Ambiente do Centro Sul e Regiões Autónomas, que convocou o protesto. Os trabalhadores reivindicam melhorias salariais e a redução do horário de trabalho. Segundo o sindicato a greve obrigou à paralisação da incineradora de São João da Talha (Loures), do centro de triagem no Lumiar (Lisboa) e do Aterro Sanitário de Mato da Cruz em Arcena, concelho de Vila Franca de Xira.
Numa nota divulgada em resposta à greve, a administração da Valorsul assegurou que a empresa “sempre procurou manter uma política de diálogo, recebendo sempre os seus trabalhadores e a comissão sindical”. Notou que apesar de não ter sido possível chegar a acordo com a comissão sindical, a administração decidiu avançar com um aumento de 3,5% para todos os trabalhadores, com efeitos retroactivos a Janeiro deste ano, sendo que em 2023 o aumento fixou-se nos 4,7%, indica a mesma nota.
O sindicato já manifestou disponibilidade para continuar a negociar com a empresa, que tem actualmente 450 trabalhadores e é responsável pelo tratamento e valorização dos resíduos recicláveis e resíduos sólidos urbanos produzidos em 19 concelhos das regiões de Lisboa e Oeste.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1668
    12-06-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo