Economia | 11-07-2024 15:43

Emitida última licença para Mercadona em Almeirim começar a funcionar

Emitida última licença para Mercadona em Almeirim começar a funcionar

A licença de utilização do último pavilhão do bloco logístico da cadeia de distribuição espanhola foi entregue esta quinta-feira, 11 de Julho, e a actividade vai iniciar-se ainda este mês

A última licença de utilização do último pavilhão do bloco logístico da Mercadona em Almeirim foi entregue esta quinta-feira pelo presidente da câmara. Pedro Ribeiro entregou o documento necessário à laboração durante uma visita de autarcas ao equipamento que está praticamente concluído, ao fim de dois anos de obras. Agora que está concluída esta formalidade, a unidade vai começar a funcionar de forma progressiva ainda este mês, até estar em plena actividade o que deve acontecer até final do ano. O autarca lembra que as primeiras reuniões com o município começaram em 2019.

Para o presidente do município este é “um dia histórico para o concelho de Almeirim e para a região, realçando que “a obra bateu vários recordes em termos de tempo de construção”. Pedro Ribeiro, considerando que este investimento vai “mudar para melhor o concelho”, regozija-se do facto de a Mercadora passar a ser o maior empregador do concelho, com cerca de meio milhar de funcionários. O autarca destaca o papel que os serviços do município tiveram para que o investimento chegasse a bom porto, elogiando também a postura da maioria das entidades públicas que “demonstraram que com planeamento e vontade é possível cumprir metas e prazos”.

O bloco logístico da Mercadona é o maior da Península Ibérica e ocupa uma área de 440 mil metros quadrados, tendo sido investidos cerca de 250 milhões de euros na sua construção que teve em média cerca de 800 trabalhadores em obra. A área específica de construção total de cerca de 120 mil metros quadrados, sendo que o armazém de frio tem 47.000 m2 e o armazém de secos ocupa 50.000 m2.

A construção do bloco teve a participação de vários fornecedores portugueses, alguns dos quais do concelho de Almeirim e da região. Até final de 2024 devem estar a trabalhar no local 500 pessoas e ainda há na página da empresa na internet oportunidades de emprego em aberto. O bloco destaca-se também pelas questões ambientais, tendo instalado 15 mil painéis de energia solar, que vão abastecer cerca de 25 por cento das suas necessidades.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo