Especiais | 29-04-2023 18:00

Carlos Nazareth considera-se um artista expressionista

Carlos Nazareth considera-se um artista expressionista
ESPECIAL FESTA DO VINHO
Carlos Nazareth cria peças únicas e trabalha solitariamente

Natural e a viver no Cartaxo cria peças únicas, mas chegou a trabalhar em série e a fazer 30 feiras por ano como artesão.

Carlos Nazareth considera-se um expressionista. Aos 73 anos, tendo sido professor de música e artesão oleiro durante 40 anos, tem-se dedicado nos últimos anos a trabalhar apenas na área da olaria e modelagem, produzindo apenas peças únicas.
O artista, natural do Cartaxo, trabalha solitariamente, mas chegou a ter 12 artesãs a trabalhar consigo, numa altura em que tinha 60 lojas no Algarve a comprar as suas peças e também recebia encomendas dos Açores, França e Lanzarote.
Chegou a fazer 30 feiras por ano e nessa altura fazia peças em série. Actualmente apenas cria e executa peças únicas. Refere que ao longo de dois anos esteve em algumas mostras e galerias, mas nunca viu peças estilizadas como as suas, que considera serem representantes de um expressionismo muito próprio. Não trabalha de porta aberta mas pode ser encontrado no Cartaxo, onde a maioria das pessoas o conhece.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo