Entrevista | 02-08-2022 20:59

André Filipe dos Reis Brandão

André Filipe dos Reis Brandão. fotoDR

Proprietário da Barbearia Brandon’s Barbershop
35 anos, Constância

Qual o alimento que não comia nem que lhe pagassem?
Insectos.
Sabe cozinhar? Qual é a sua especialidade?
Sei cozinhar e a minha especialidade são as massas italianas.
Costuma dar dinheiro aos arrumadores que, por vezes, estão nos parques de estacionamento? Que opinião tem sobre eles?
Dou porque gosto de ajudar as pessoas e não tenho qualquer opinião sobre eles.
Acha que o sistema de justiça funciona em Portugal?
Não funciona. Basta ver as notícias diariamente para percebermos que é tudo ao contrário neste país.
Sente que seria capaz de ser um bom primeiro-ministro?
Não. Para além de não gostar, não tenho jeito para corrupção.
É adepto de algum clube? Qual foi a maior loucura que fez pelo seu clube? 
Sou do Benfica, mas não ligo ao futebol.
Se lhe saísse o Euromilhões qual era a primeira coisa que fazia? 
Ajudar a minha família.
É adepto das redes sociais? Tem conta em alguma rede social?
Tenho conta no Facebook e Instagram. Acho que as redes sociais, de um modo geral, aproximam as pessoas.
Gosta mais do campo ou da cidade?
Gosto mais do campo. Há menos confusão.
Já fez alguma viagem de férias a um país estrangeiro?
Já fiz férias em vários países. O último foi o México e da próxima vez gostava de ir a Cuba, conhecer a cultura e estilo de vida, ver os carros clássicos, as praias, etc…
Qual é a pior coisa que lhe podem fazer?
Mentirem-me. Não gosto de mentiras, por mais pequenas que sejam. 
Custa-lhe levantar de manhã para ir trabalhar?
Não me custa porque gosto de trabalhar.
Gosta mais de liderar ou de ser liderado?
Gosto mais de liderar. Consigo unir uma equipa de trabalho até chegarmos todos a um propósito e isso dá-me a sensação de dever cumprido. 
Qual o objecto que nunca fica em casa?
O telemóvel.
Quantos verdadeiros amigos acha que tem?
Considero amigos apenas seis pessoas. 
Qual a tradição que nunca podemos deixar morrer?
O Natal. É uma tradição que lembra o aconchego familiar. 
O que gostava de fazer e não faz para não cair no ridículo?
Não tenho nada em mente.
Prefere Verão ou Inverno?
Verão, adoro o calor. 
Qual o seu percurso profissional?
Militar de carreira e dono da barbearia.
Gosta de grandes reuniões familiares?
Gosto, por causa do bom ambiente familiar.
Era capaz de viver sem música? Qual o seu género favorito?
Não era capaz de viver sem música. O meu género preferido é kizomba. 
Como gosta de ser recordado?
Como alguém amigo do seu amigo, lutador, bom pai e com um bom coração.
Já alguma vez foi mandado parar numa operação stop? Como reagiu?
Já fui mandado parar e reagi com normalidade.
À mesa, branco ou tinto?
Vinho tinto com carne e um branco com peixe, às vezes.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo