Foto Galeria | 01-09-2021

Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla

1 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
2 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
3 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
4 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
5 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
6 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
7 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
8 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
9 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
10 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
11 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
12 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
13 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
14 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla
15 / 15
Ricardo Chibanga homenageado com busto oferecido por Morante de La Puebla

Figura maior do toureio a pé, José Morante, ofereceu à vila um busto de Ricardo Chibanga que vai ficar junto ao Café Central onde o matador de toiros moçambicano passava a maior parte do tempo. Autarquia também prestou homenagem a José Dias Tinoca, bandarilheiro goleganense, atribuindo-lhe o nome a uma rua.

A câmara municipal da Golegã organizou, na quarta-feira, 1 de Setembro, um conjunto de homenagens a três grandes figuras do toureio a pé, nomeadamente o espanhol Morante de La Puebla, Ricardo Chibanga, que faleceu em 2019, e José Dias Tinoca.

Morante foi agraciado com a Medalha de Mérito Municipal, entregue pelo presidente da câmara, José Veiga Maltez, pelo seu contributo à tauromaquia e por ter oferecido à vila o busto do toureiro e matador de toiros moçambicano, Ricardo Chibanga, que faleceu em Abril de 2019. O local escolhido para colocar a estátua foi a frontaria do Café Central, onde Ricardo Chibanga passava a maior parte do seu tempo.

Morante e Veiga Maltez enalteceram a generosidade, humildade e educação de Ricardo Chibanga, que passou por muitas dificuldades na vida mas que conseguiu sempre ultrapassá-las com distinção. Morante contou a O MIRANTE alguns momentos de convívio com o toureiro moçambicano que fez sempre por saber mais sobre a arte de tourear. “que a memória e o espírito do maestro Chibanga seja eternizado na vila da Golegã”, vincou.

Cerca de meia centena de pessoas, a maioria ligada ao mundo da tauromaquia, assistiram também ao descerrar da placa toponímica em homenagem ao bandarilheiro goleganense José Dias Tinoca.

Reportagem desenvolvida numa edição impressa de O MIRANTE de 9 de Setembro.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1537
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1537
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo