Foto Galeria | 18-11-2022

Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente

1 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
2 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
3 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
4 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
5 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
6 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
7 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
8 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
9 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
10 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
11 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
12 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
13 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
14 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente
15 / 15
Reduzir ineficiência é o grande objectivo da Tejo Ambiente

Seminário "Os Fundos Europeus e a Eficiência Hídrica no Território", realizado em Mação, realçou a importância dos fundos europeus para o desenvolvimento do território.

Desde 2020 que a Tejo Ambiente reduziu em cerca de 5% a sua ineficiência hídrica, ou seja, água não facturada, que se fixa agora nos 46%, revelou esta quinta-feira, 17 de Novembro, José Santos, director-geral da empresa intermunicipal durante o seminário "Os Fundos Europeus e a Eficiência Hídrica no Território", realizado no Centro Cultural Elvino Pereira, em Mação

"A sustentabilidade e a operação da Tejo Ambiente partirá inevitavelmente pela redução de ineficiência", disse José Santos aos jornalistas, acrescentando: "não é a aumentar tarifas que lá chegamos. Temos de actuar na redução da ineficiência para daí libertar dinheiro para investimento", frisou.
Este foi o primeiro de dois seminários organizados pela Tejo Ambiente com o intuito de divulgar a importância dos fundos europeus enquanto ferramenta para o desenvolvimento do território. O segundo seminário decorre dia 30 de Novembro, em Ourém, com a presença da presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Isabel Damasceno.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo