Nacional | 05-10-2022 16:28

TAP comprou meia centena de carros BMW para administradores e directores 

FOTO ILUSTRATIVA – FOTO DR

Empresa diz que as viaturas híbridas e eléctricas que vão substituir as diesel, permitem poupar 630 mil euros por ano

A TAP defende que a renovação da frota automóvel para a administração e gestores permite uma poupança de 630 mil euros anualmente, justificando que a decisão foi assente neste racional ao mesmo tempo que cumpre os contratos. 

“A Comissão Executiva quer esclarecer que a TAP dispõe de uma frota automóvel corporativa para a administração e directores, em regime de ‘renting’ operacional. Com a opção que fizemos, estamos a poupar anualmente até 630 mil euros, se tivéssemos mantido os carros que temos hoje”, refere a TAP num comunicado interno, ao qual a Lusa teve acesso. 

Em causa está a notícia avançada pela TVI/CNN Portugal e pelo portal Away de que a TAP encomendou uma nova frota de automóveis BMW corporativa, substituindo os da Peugeot, que terão um valor de mercado a partir dos 52 e dos 65 mil euros. 

Na mensagem interna, a TAP explica que a actual frota é maioritariamente de 2017 e atinge o máximo de prorrogações possíveis em contrato no próximo ano. 

“Não havendo outra opção senão celebrar novos contratos, optou-se por viaturas híbridas plug-in, em vez do atual diesel, por motivos ambientais, mas, também pelos benefícios fiscais associados a estas viaturas, menos poluentes”, escreve a comissão executiva da TAP, liderada por Christine Ourmières-Widener. 

Na mensagem interna, a companhia salienta que “a decisão da empresa teve assim um racional de poupança, cumprindo ao mesmo tempo os contratos estabelecidos com os gestores que incluem uma viatura de serviço”.  

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo