Nacional | 28-12-2022 16:09

Este ano já morreram quatrocentas e sessenta pessoas na estrada

Este ano já morreram quatrocentas e sessenta pessoas na estrada
Foto DR

Durante o mesmo período houve 3.194 acidentes, dos quais resultaram 795 feridos, 44 dos quais graves.

O presidente da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), Rui Ribeiro, adiantou hoje que desde o inicio do ano foram contabilizadas 460 vítimas mortais, número inferior as 515 contabilizadas em 2019. O mesmo responsável disse que, nos últimos 10 anos morreram nas estradas portuguesas 6.089 pessoas.
Só na operação de Natal, que decorreu entre 19 e 26 de Dezembro, registaram-se nas estradas portuguesas 12 vítimas mortais, com idades entre os 24 e 86 anos, resultaram de três acidentes no distrito do Porto, dois em Aveiro, dois em Faro, dois em Setúbal, e em Beja, Coimbra e Santarém.
Nos restantes distritos do país e nas regiões autónomas dos Açores e Madeira "foi atingido o objectivo de zero mortos nas estradas portuguesas", afirmou Rui Ribeiro.
No mesmo período, registaram-se 3.194 acidentes, mais 155 do que em 2021, dos quais resultaram 795 feridos. Do total de feridos, 44 foram graves (mais cinco do que em 2021) e 751 foram leves (menos 114 do que em 2021).
A operação Ano Novo arranca hoje e decorre até 02 de Janeiro de 2023.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Médio Tejo