O MIRANTE | 21-11-2020 15:00

“O biológico é um nicho de mercado a que só tem acesso quem tem maiores rendimentos”

“O biológico é um nicho de mercado a que só tem acesso quem tem maiores rendimentos”
ESPECIAL ANIVERSÁRIO
João Barreto - Administrador da Tecnipec, S.A. de Montalvo

João Barreto - Administrador da Tecnipec, S.A. de Montalvo.

Os principais problemas ambientais são os resíduos e desperdícios gerados pelas pessoas. Deviam existir mais pontos de separação de lixo e tratamento nas cidades e aglomerados urbanos. Hoje em dia já existe uma maior consciencialização das pessoas para esta problemática ambiental.

Actualmente a produção pecuária está muito mais eficiente. A principal preocupação da Tecnipec, como empresa de nutrição animal, está no desenvolvimento de estratégias nutricionais para uma progressiva optimização dos nutrientes, para uma maior absorção por parte dos animais, evitando com isso a contaminação dos solos.

A economia circular é uma realidade na alimentação animal. Há já muitos anos que na formulação de rações para animais se utilizam produtos de reciclagem que, numa situação de desaproveitamento, iriam para o lixo nomeadamente sêmea de trigo/arroz, massa de cerveja, restos de bolachas, resíduos de destilados/frutas, etc…tudo isto e mais um grande número de produtos gerados pela indústria alimentar vai ser utilizado pela nutrição animal. Somos uma actividade recicladora.

Os empresários estão muito mais sensibilizados para as questões ambientais. A customização da pegada ecológica vai ser uma realidade no futuro próximo. Cada empresa vai ter de saber qual a sua e comunicar essa informação para o consumidor. Será uma vantagem económica/comercial.

Sobre a redução dos pesticidas para metade nos próximos dez anos e o incremento da agricultura biológica é bom que se perceba que o mundo tem de comer. O biológico é um nicho de mercado a que só vai ter acesso quem tem maiores rendimentos. Isso não invalida haver maior controlo da cadeia alimentar.

De um modo geral sigo as recomendações para a defesa do ambiente. Fecho a torneira enquanto lavo os dentes ou me ensaboo no banho, separo o lixo para reciclagem, tento circular de carro a uma velocidade que gere menor consumo e quando compro electrodomésticos opto pelos que consomem menos energia.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1483
    19-08-2020
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1483
    19-08-2020
    Capa Vale Tejo