O MIRANTE | 28-11-2022 21:00

A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

1 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Joaquim António Emídio, Ramiro Matos, Filipe Alves, Carlos Coutinho, José Eduardo Carvalho e Marco Fernandes subiram a palco para entregar o prémio Empresa do Ano à Sugal, representada por Manuel Nobre Gonçalves

2 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Nuno Palhinha, Joaquim António Emídio, Francisco Oliveira e Miguel Carrinho com a gestora da Leal & Filhas, Madalena Leal que recebeu o prémio Jovem Empresária

3 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Bernardo Salgado Emídio, Pedro Ribeiro e Joaquim António Emídio entregaram o prémio Carreira Empresarial a Joaquim Inácio da Curtumes Fonte Velha

4 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Joaquim António Emídio, Ana Carreto e Miguel Borges entregaram o prémio Empresa Mais Exportadora à Salm Portugal, representada por Robert Vijftigschild e alguns colaboradores

5 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Orlando Ferreira, Carmen Antunes, Paula Borrego, Hélder Teixeira, Luís Silva, Joaquim António Emídio e Marco Henriques na entrega do prémio Mulher Empresária a Maria Emília Santos, franquiada da McDonald's

6 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Joaquim António Emídio, Hugo Costa, Vasco Estrela, João Moutão e Manuel Valamatos entregaram o prémio Prestígio a Nuno Falcão Rodrigues do Casal da Coelheira

7 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Joaquim António Emídio, Pedro Beato, José M. Santos, Carlos Coutinho, Luís Albuquerque e Rita Anastácio com Sérgio Rodrigo e Xavier Perez da Dunany Foods, premiada pela excelência empresarial

8 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Joaquim António Emídio, Vítor Moreira, Marina Tiago e José Pedro Raimundo com Elsa Rodrigues da Prink, prémio Micro-Empresa

9 / 9
A fibra dos empresários é a chave para o sucesso e crescimento das empresas

Joaquim António Emídio, Pedro Bastos, João Heitor, Mário Ribeiro e Frederico Roque com Encarnação Vieira que recebeu o galardão PME do Ano para a sua empresa Frescura Aromática e se fez acompanhar pelos filhos Bruno Ascensão e Sylvie Matos

Empresários destacam a importância de ter bons parceiros e uma atitude vencedora para combater as adversidades que se avizinham no próximo ano.

Galardão Empresa do Ano de O MIRANTE valorizou empresários e as empresas ribatejanas que ajudam o país a crescer e a gerar emprego. Cerimónia realizou-se a 17 de Novembro no Convento de São Francisco em Santarém.

É nos tempos difíceis que a fibra dos empresários é posta à prova e por isso a confiança, a resiliência e a ajuda dos colaboradores são a chave essencial para o sucesso e o crescimento dos negócios.
A convicção foi deixada pelos empresários premiados no Galardão Empresa do Ano, iniciativa de O MIRANTE, que no dia 17 de Novembro reconheceu e valorizou os melhores exemplos empresariais que colocam o Ribatejo no mapa mundial e geram emprego.
“Agradeço a divulgação da realidade dos empresários e das empresas ribatejanas que O MIRANTE promove. Considerando as dificuldades e entraves que diariamente se colocam aos privados, induzidos por factores externos como a burocracia a todos os níveis, cai bem no nosso ego este reconhecimento”, confessou Joaquim Inácio, da Curtumes Fonte Velha de Alcanena, prémio Carreira Empresarial. O empresário saudou com especial ênfase os jovens empresários, lembrando que quem escolheu essa vida escolheu um trabalho difícil que os absorve a toda a hora, mas que apaixona. “Quem corre por gosto não cansa”, sublinhou, lembrando que a Curtumes Fonte Velha assinala os 90 anos de existência em 2023. “Isso só por si é algo que nos motiva e dá ânimo para o futuro a caminho de um século de existência”, vincou.
O prémio empresa mais exportadora foi atribuído à Salm Portugal e Robert Vijftigschild subiu ao palco para falar “de coração” e alegria pela distinção. “Neste tempo não é fácil ser uma empresa do ano, os mercados estão muito voláteis mas temos muita confiança nos nossos clientes e na nossa equipa”, destacou o responsável de uma empresa que exporta por ano, para a Holanda, 15 milhões de vasos de lavanda, além de pinheiros mansos, mini frutos e mini-abóboras.

A família é o pilar
Para a maioria dos empresários, os bons parceiros e sobretudo a família foram eleitos como a principal força de apoio nos negócios. Madalena Leal, gestora da Leal & Filhas, prémio Jovem Empresária, agradeceu o seu percurso a toda a equipa e ao pai (já falecido). “Pela empresária que sou e me ensinou a batalhar e nunca desistir”. Se estou aqui hoje é reflexo das minhas escolhas e decisões e sei que estou no caminho certo com as pessoas certas”, vincou. Encarnação Vieira distinguida com o galardão de PME do Ano para a sua empresa, a Frescura Aromática, disse que estava a receber o prémio graças à família, sobretudo ao marido que à hora da cerimónia estava no campo a cuidar e a semear as ervas aromáticas, porque sem ele “as sementes não crescem”. Dizendo ser mais mulher de campo do que discursos, agradeceu também aos colaboradores.
A concorrência e a luta para se manter no mercado foi outro tema que se destacou na cerimónia, com Elsa Rodrigues, da Prink de Alverca, prémio Micro-Empresa, a realçar que “não tem sido fácil manter aberta uma loja de comércio tradicional num ambiente cheio de hipermercados. É uma luta diária e constante. Felizmente tenho sido bem-sucedida”, disse, acabando a intervenção agradecendo à marca, à família e à estrelinha que está no céu a apoia-la todos os dias, a suamãe.
O galardão Mulher Empresária foi entregue a Maria Emília Santos, franchisada da McDonald’s em Santarém, Torres Novas e Vila Franca de Xira, que confessou ter tido o privilégio de ver o seu trabalho reconhecido, quer pela cadeia americana quer pelas outras empresas por onde foi passando antes de se tornar empresária há 25 anos. “Este caminho não se faz de forma isolada, é graças à equipa que trabalha comigo todos os dias, alguns desde a primeira hora, que o nosso trabalho é valorizado e reconhecido”, salientou, enaltecendo o suporte da família ao longo dos anos, manifestando o orgulho por ver as filhas também a empreender.
O orgulho pelo Ribatejo e o acolhimento de Portugal
Nuno Falcão Rodrigues, dos vinhos do Casal da Coelheira, Prémio Prestígio, considerou que “estar nesta região é um orgulho”. Destacando o “orgulho grande” de ver a empresa reconhecida, disse que “pode parecer mais difícil competir” numa “região menos mediática neste mundo dos vinhos”, mas a região tem dado provas que está na ribalta dos vinhos mundiais”. O empresário terminou dizendo que é um orgulho fazer parte do Ribatejo e representar a região em mais de 20 países para onde exporta, o que lhe dá uma responsabilidade acrescida.
Xavier Perez, da Dunany Foods de Samora Correia, de Benavente, agradeceu ao concelho e a Portugal por fazer a empresa sentir-se em casa todos os dias. A empresa de comidas pré-confeccionadas venceu o prémio Excelência Empresarial e Xavier Perez agradeceu à equipa composta por mais de 80 pessoas que diariamente dá o seu melhor.
No final da cerimónia cantaram-se os parabéns a O MIRANTE pelo seu 35º aniversário com a oferta de bolo e champagne a todos os galardoados e convidados da cerimónia.

Um prémio no dia em que o fundador faria 95 anos

A Empresa do Ano foi a Sugal e Manuel Nobre Gonçalves, que recebeu o prémio e o dedicou aos clientes e aos 700 trabalhadores fixos e quase dois mil sazonais, salientou que este era um momento muito especial, num dia que marca “uma coincidência interessante”, porque o fundador da empresa, Luís Ortigão Costa, faria 95 anos nesse dia 17 de Novembro. “É um renovar de responsabilidade que este prémio nos dá”, vincou. O empresário parabenizou também O MIRANTE como espelho de uma equipa “motivada e resiliente”, considerando que a resiliência é uma das principais armas para se atingir o sucesso.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1596
    11-01-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1596
    25-01-2023
    Capa Médio Tejo