O MIRANTE TV | 15-05-2024 15:14

O que leva novos médicos a ficarem no Ribatejo e o que é preciso para os atrair

Encontro de internos que vão fazer a especialização nos hospitais públicos e centros de saúde do distrito de Santarém e na zona de Vila Franca de Xira acolhidos em evento da Ordem dos Médicos em Alpiarça.

Os novos médicos que vão iniciar a especialização nos hospitais e centros de saúde do Ribatejo e os que concluíram a especialização encontraram-se numa iniciativa de acolhimento da sub-região do Ribatejo da Ordem dos Médicos, que também tem a missão de incentivar os profissionais a fixarem-se na região. No encontro em Alpiarça, esta terça-feira, 14 de Maio, o novo especialista em medicina geral e familiar, Ludovic Ventura, de Ovar, preferiu ficar na região e vai trabalhar na USF Alviela em Pernes.

Sara Rodrigues anestesista no Hospital de Santarém, natural de Leiria, explica que preferiu um hospital periférico em vez de ficar em Lisboa pela medicina de proximidade.

O presidente do conselho sub-regional do Ribatejo da Ordem dos Médicos e internista e intensivista no Hospital de Santarém, João Costa Lopes, considera que as dificuldades em fixar médicos na região não têm a ver apenas com questões financeiras.

O bastonário da Ordem dos Médicos, Carlos Cortes, que esteve presente nesta sessão de recepção aos novos médicos, que não se realizava desde a pandemia, destacou o que é preciso para atrair profissionais para o Serviço Nacional de Saúde.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1665
    22-05-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo