Opinião | 09-12-2022 09:20

Com Pila e sem Pila

O fim das casas de banho para homens e mulheres é hoje uma obsessão dos fundamentalistas do género ( : ). Proponho que em vez de casas de banho para homens e para mulheres, passem a existir casas de banho para pessoas com pila e para pessoas sem pila, independentemente de serem homens ou mulheres ou nem uma coisa nem outra.

O fim das casas de banho para homens e mulheres é hoje uma obsessão dos fundamentalistas do género. E, por essa Europa fora, já vai sendo frequente as casas de banho serem unissexo.

Com a abolição das casas de banho por sexos, pretendem os fundamentalistas do género criar mais igualdade. Acontece que não só geram mais desigualdade como tornam as mulheres em empregadas de limpeza dos homens.

Com efeito, independentemente da orientação sexual de cada um, a verdade é que as mulheres fazem xixi sentadas, enquanto os homens fazem de pé e com fraca pontaria, o que significa que as mulheres se quiserem usar a sanita têm de a limpar, o que lhes causa naturalmente repulsa.

Por alguma razão diz o povo que os extremos se tocam. E este é precisamente um daqueles casos que o comprova.

Além disso, como facilmente se constata, as casas de banho dos homens, porque têm urinol, permitem um escoamento muito mais rápido do que as casas de banho das mulheres pelo facto de terem apenas sanitas. É frequente assistirmos a filas nas casas de banho das mulheres, enquanto as casas de banho dos homens raramente têm filas. Pode parecer injusto, mas é bom não esquecer que, a partir dos 50 anos, são cada vez mais os homens que, por causa dos problemas da próstata, têm dificuldade em aguardar muito tempo em filas para urinar.

Não quero entrar aqui em discussões sobre os sexos, os géneros, a biologia, a psiquiatria ou a orientação sexual. Cada um é o que quiser. Esse é mesmo um dos assuntos que nem sequer me preocupa desde que eu também possa ser o que quiser. Agora o fim das casas de banho para homens já me preocupa, precisamente pelas razões que acima referi e que afectam as pessoas que nasceram com próstata, sejam homens, mulheres ou as duas coisas em simultâneo ou alternadamente.

Proponho, por isso, para não ferir susceptibilidades, que, em vez de casas de banho para homens e para mulheres, passem a existir casas de banho para pessoas com pila e para pessoas sem pila, independentemente de serem homens ou mulheres ou nem uma coisa nem outra.

Santana-Maia Leonardo

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1596
    11-01-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1596
    25-01-2023
    Capa Médio Tejo