Política | 20-11-2021 12:39

Renúncia de vereador agrava situação do PS do Cartaxo

Depois de Pedro Ribeiro, ex-presidente da câmara, ter renunciado ao cargo de vereador, Pedro Nobre é o segundo elemento do Partido Socialista que não vai cumprir o mandato de quatro anos para que foi eleito.

O Partido Socialista (PS) do Cartaxo está a viver tempos complicados a nível político que se agravaram depois de Pedro Nobre, vereador no executivo da Câmara do Cartaxo, ter renunciado ao cargo. A decisão do autarca foi transmitida na última sessão camarária.

Pedro Nobre alegou motivos pessoais para não continuar a exercer o mandato de vereador, uma vez que, justificou, “a [sua] vida profissional não é compatível com o cargo na vereação”.

Recorde-se que Pedro Nobre tomou posse no executivo do Cartaxo depois de Pedro Ribeiro, ex-presidente da câmara, ter renunciado ao cargo alguns dias depois de perder as eleições autárquicas para o actual presidente, João Heitor.

Rolando Ferreira, músico e professor, número cinco na lista do PS nas últimas eleições autárquicas, vai tomar posse em substituição de Pedro Nobre.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1537
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1537
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo