Política | 02-12-2022 07:00

Orçamento do Entroncamento com “grandes projectos” em carteira

Câmara do Entroncamento aprovou orçamento de 27,5 milhões de euros para 2023 que tem verbas inscritas para a requalificação do Bairro do Boneco, a demolição e construção do Jardim de Infância Sophia de Mello Breyner Andersen e a nova esquadra da PSP, entre outras obras.

A Câmara do Entroncamento aprovou o orçamento para 2023, no valor de 27,5 milhões de euros, 10,2 milhões dos quais destinados a investimento. O presidente do município, Jorge Faria (PS), destaca em comunicado a inclusão nos documentos de “grandes projectos para o concelho”, referindo “a construção de núcleos habitacionais, a requalificação do Bairro do Boneco, a demolição e construção do Jardim de Infância Sophia de Mello Breyner Andersen, a construção das novas oficinas municipais, a nova esquadra da PSP, a requalificação/construção da Nova Centralidade”.

Como projectos de “menor dimensão, mas de grande impacto para a comunidade”, elenca a reabilitação da antiga Estrada Nacional 3, a mobilidade urbana e ciclável, o sistema de videovigilância e o arranjo urbanístico no Jardim Afonso Serrão Lopes. O documento, aprovado com os votos favoráveis dos três eleitos do PS, três abstenções do PSD e o voto contra do Chega, vai ser levado à reunião da assembleia municipal agendada para o 16 de Dezembro.

Em 2023, o município vai manter as taxas do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) em 0,35% para os prédios urbanos, vigorando o IMI Familiar, os 5% da participação de IRS e 1,5% da Derrama a cobrar às empresas.

PSD critica demolição de jardim de infância

Rui Claudino justificou a abstenção do PSD com o facto de se tratar de um “orçamento do PS”, contendo situações com as quais o partido discorda, mas que acolheu todas as propostas que foram apresentadas. Entre as reservas referidas pelo vereador do PSD, contam-se a opção pela demolição do Jardim de Infância Sophia de Mello Breyner Andersen, defendendo o partido a sua reabilitação como solução “mais rápida e com menos custos”, a situação do parque empresarial e a carta educativa concelhia.

Em particular, os sociais-democratas congratularam-se com a inclusão do projecto de instalação de um sistema de videovigilância numa cidade com muitas queixas em matéria de segurança, e que foi uma das “principais propostas” do seu programa eleitoral.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1596
    11-01-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1596
    25-01-2023
    Capa Médio Tejo