Política | 29-12-2022 18:00

Eleito da Assembleia de Alpiarça ganha 68 mil euros da câmara e arrisca perder mandato

Eleito da Assembleia de Alpiarça ganha 68 mil euros da câmara e arrisca perder mandato
João Rosa do Céu (em primeiro plano à direita) arrisca-se a perder o mandato na Assembleia Municipal de Alpiarça por incompatibilidade com o cargo de advogado do município

João Rosa do Céu, filho do ex-presidente da Câmara de Alpiarça e irmão da actual vice-presidente do município, está a acumular funções de advogado da autarquia, onde prepara processos que são submetidos à votação na assembleia municipal, onde é eleito pelo PS

O eleito do PS na Assembleia Municipal de Alpiarça, João Pedro Rosa do Céu, arrisca-se a perder o mandato porque acumula o cargo no órgão fiscalizador com o de advogado do município em que tem informação privilegiada. A acção de perda de mandato do mandato está para ser decidida no Tribunal Administrativo e Fiscal de Leiria.
João Pedro do Céu é filho do ex-presidente da câmara entre 1997 a 2008, Joaquim Luís Rosa do Céu, que teve uma passagem polémica pela autarquia e foi mandatário da candidatura da actual presidente, Sónia Sanfona, e é irmão da vice-presidente da autarquia, Ana Margarida Vences Rosa do Céu.
A alegada incompatibilidade foi comunicada ao tribunal pelo único eleito do PSD na assembleia municipal, Armindo Batata. João Rosa do Céu tem uma avença para serviços jurídicos até 2024 no valor de 68.543 euros.

*Notícia desenvolvida na edição semanal em papel desta quinta-feira, 29 de Dezembro

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1597
    01-02-2023
    Capa Médio Tejo