Política | 02-01-2024 10:00

Orçamento da Câmara da Golegã cresce 22% em 2024

Orçamento da Câmara da Golegã cresce 22% em 2024

Requalificação de edifícios devolutos, construção de nova habitação, reabilitação da escola sede, criação de nova creche municipal e aposta no turismo, são alguns dos investimentos contemplados no orçamento de 13,7 milhões da Golegã para 2024.

O município da Golegã aprovou Orçamento e as Grandes Opções do Plano para 2024 no valor de 13,7 milhões de euros, um crescimento de cerca de 22% em relação ao ano de 2023. O documento também foi aprovado na assembleia municipal que se realizou a 27 de Dezembro.

No orçamento destaca-se principalmente os investimentos previstos nas áreas da Habitação, Educação, Turismo e Desporto. A autarquia prevê o investimento de 2,7 milhões de euros na Habitação, com o objectivo de dar melhores condições de habitabilidade à população, bem como de fixar mais pessoas no território e na reabilitação de edifícios devolutos. Está previsto o desenvolvimento da ELH – Estratégia Local de Habitação – 1.º. DRT, uma candidatura de cerca de seis milhões de euros que irá decorrer entre 2024 e 2026, bem como o início do processo de construção de habitações a custos acessíveis, entre outros projectos inseridos no Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Na área da Educação prevê-se o investimento de 1,1 milhões de euros, nomeadamente com a continuação da obra de reabilitação da Escola EB 2,3 da Golegã, bem como o projecto de uma nova creche municipal, e a aposta na área formativa, com o reforço de equipamento e materiais para o curso técnico profissional de gestão equina, e a criação de condições para acolhimento do Ensino Superior no concelho da Golegã.

Outras das rubricas com mais relevância são a do Turismo, Cultura e Juventude, com uma previsão de investimento de meio milhão de euros, bem como na do Desporto, com mais de 334 mil euros de investimento, onde se irá ser realizada a reabilitação do Campo de Futebol Assunção Coimbra, na Azinhaga, e serão construídas novas infraestruturas de apoio no Centro de Alto Rendimento de Desportos Equestres.

Por último, estão destinados mais de meio milhão de euros nas áreas da Agricultura, Indústria e Energia, Rede Viária, Transportes e Comunicações. Recorde-se que as Despesas com Pessoal têm um peso de cerca de 29% para 2024, uma redução face ao peso que tinha no ano de 2023, cerca de 35%.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1652
    21-02-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1652
    21-02-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo