Política | 07-01-2024 10:00

PCP lamenta degradação dos serviços de saúde no distrito de Santarém

Comunistas atribuem estes problemas à falta de resposta do Governo, nomeadamente à necessidade de recrutamento de profissionais em falta e com salários condignos.

A Direcção da Organização Regional de Santarém (DORSA) do Partido Comunista Português (PCP) expressou, num comunicado, preocupação com a situação actual de degradação dos cuidados de saúde no distrito de Santarém. Segundo os comunistas, a falta de recursos humanos, meios técnicos e infraestruturas adequadas está a “causar problemas à população local”.

No comunicado, a estrutura partidária denuncia que os problemas estão a agravar-se, resultando em “atrasos cada vez maiores nas urgências hospitalares” e no “esgotamento das estruturas hospitalares para albergar mais doentes”.

A DORSA atribui estes problemas à falta de resposta do Governo, “nomeadamente à necessidade de recrutamento de profissionais em falta e com salários condignos”. A organização também aponta para a ausência de uma política de cuidados de saúde de proximidade e para a necessidade de uma gestão pública e participada do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1652
    21-02-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1652
    21-02-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo