Política | 28-02-2024

Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens

1 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
2 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
3 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
4 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
5 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
6 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
7 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
8 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens
9 / 9
Seis dezenas de jovens participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens

“Viver Abril na Educação: caminhos para uma escola plural e participativa” foi o tema que esteve em discussão esta terça-feira, 26 de Fevereiro, na Casa do Campino.

Sessenta e um jovens de 19 escolas do distrito participaram na sessão distrital de Santarém do Parlamento dos Jovens (ensino secundário) que decorreu a 27 de Fevereiro, na Casa do Campino, em Santarém. Durante a sessão os jovens discutiram o tema “Viver Abril na Educação: caminhos para uma escola plural e participativa” tendo sido aprovado o projecto de recomendação a submeter à sessão nacional do Parlamento dos Jovens com as seguintes medidas:

Reformulação da Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania (ENEC) adaptando a mesma aos novos desafios enfrentados pelos jovens, sensibilizando-os para a importância da diversidade, da inclusão e do respeito pelas diferenças; criação/renovação de ambientes de aprendizagem especiais, reforçando os recursos didáctico-tecnológicos, assegurando a digitalização das escolas, sem abolir o sistema de educação tradicional garantindo uma educação equitativa e de qualidade promovendo oportunidades de aprendizagem para todos;

Realização de uma assembleia municipal extraordinária dedicada aos jovens, com o vereador do pelouro da Juventude do respectivo município, dedicada a um tema votado pelos jovens numa plataforma digital; implementação, em todas as escolas, de um momento cultural periódico que implique o envolvimento de toda a comunidade escolar com vista ao desenvolvimento cívico e cultural.

Foi também aprovada a proposta de tema para a próxima edição; “A Emigração Jovem: políticas para a fixação dos jovens em Portugal”. Foram ainda eleitos os deputados que representarão o Círculo Eleitoral deste distrito,tendo sido eleitas as seguintes escolas: Agrupamento de Escolas nº 2 de Abrantes com as deputadas Carolina Pires e Leonor Pires (Porta-Voz); Escola Secundária Sá da Bandeira, de Santarém, com os deputados Afonso Antunes e Madalena Domingos; Escola Básica e Secundária Artur Gonçalves, de Torres Novas, com os deputados Laura Tiago e Miguel Cruz.

A sessão contou ainda com a presença do vice-presidente da Câmara de Santarém, João Leite, do delegado regional de Educação da Direcção de Serviços da Região Lisboa e Vale do Tejo, Pedro Florêncio, e da directora regional de Lisboa e Vale do Tejo do Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P., Eduarda Marques. A iniciativa contou com o apoio da Câmara de Santarém. A sessão nacional do Parlamento dos Jovens vai realizar-se na Assembleia da República a 27 e 28 de Maio. O primeiro dia será dedicado a reuniões de comissões e o segundo à realização da sessão plenária onde é aprovada a recomendação final sobre o tema em debate.

Fotos CM SANTARÉM

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1660
    17-04-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo