Política | 05-07-2024 10:00

Abaixo-assinado defende reabertura do mercado de Santarém com gestão municipal

Abaixo-assinado defende reabertura do mercado de Santarém com gestão municipal

A CDU lançou um abaixo-assinado onde considera ser urgente travar o processo de concessão de exploração do Mercado Municipal de Santarém a privados.

A Coligação Democrática Unitária (CDU) de Santarém lançou um abaixo-assinado “Pela reabertura do Mercado Municipal com gestão pública!”. O documento está disponível e pode ser subscrito em dezenas de estabelecimentos comerciais na cidade de Santarém. Depois do período de recolha de assinaturas, será entregue à Comissão de Petições da Assembleia Municipal de Santarém.

“Mais que nunca é urgente travar o processo de concessão de exploração do mercado municipal a privados. Após dois concursos públicos que não tiveram candidatos, o executivo PS-PSD continua desesperadamente à procura de interessados. A abertura do mercado tinha sido anunciada para 2024, depois adiada para Junho e a verdade é que continua fechado. A população de Santarém precisa e quer o seu mercado municipal aberto e com gestão pública”, defende a CDU.

No texto que suporta o abaixo-assinado refere-se que o Mercado Municipal de Santarém é um edifício emblemático da cidade, classificado, que deve ser preservado e que deve estar vocacionado para responder às necessidades dos comerciantes e da produção agrícola local. A CDU lembra que o executivo da Câmara de Santarém insiste que “não tem vocação” para gerir o espaço “e vem adiando a sua reabertura, através de sucessivos concursos públicos, numa busca desesperada para atribuir a gestão do espaço a privados”. Uma gestão privada que para a CDU “vai resultar, mais cedo ou mais tarde, no aumento das rendas para os comerciantes e dos preços para os consumidores”.

“O que ganhará o município, a cidade, o concelho com a entrega do espaço, requalificado graças a milhões de euros de dinheiros públicos e do orçamento municipal (ou seja, de todos nós) a uma empresa privada por 15 anos?”, interroga-se a CDU, vincando que “Santarém, não precisa de mais um shopping” mas sim de um mercado municipal público, onde os comerciantes possam vender os seus produtos e que esteja de braço dado com os lojistas e comerciantes da cidade.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1673
    17-07-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo