Saúde | 31-12-2023 13:03

Directora de urgência do Hospital de Santarém demitiu-se por motivos pessoais

O Serviço de Urgência do Hospital Distrital de Santarém ainda não tem nova pessoa responsável, pelo que as suas funções estão agora a cargo de dois médicos.

A directora de urgência do Hospital Distrital de Santarém (HDS), Luísa Wandschneider, apresentou a sua demissão no início de Dezembro, alegando questões pessoais. Segundo a unidade de saúde, o Serviço de Urgência ainda não tem nova pessoa responsável, pelo que as suas funções estão agora a cargo de dois médicos do HDS.

Num comunicado, o Hospital de Santarém negou a demissão da directora clínica ou de qualquer outro elemento do Conselho de Administração, contrariando notícias veiculadas por alguns órgãos de comunicação social. “Face às notícias veiculadas por alguns órgãos de Comunicação Social, o Hospital Distrital de Santarém desmente a demissão da directora clínica do HDS ou de qualquer outro elemento do Conselho de Administração”

O HDS lamentou ainda que “no momento difícil que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) atravessa, em particular neste período de recurso elevado às urgências, sejam divulgadas notícias que não correspondem à verdade e que criam mais instabilidade”.

No dia 28 de Dezembro, o Hospital de Santarém atingiu o limite da capacidade de internamento em cuidados intensivos e foi activado o nível 3 do plano de contingência.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1653
    28-02-2024
    Capa Lezíria/Médio Tejo