uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

O sportinguista que adora viajar

Carlos Santos, presidente da Junta da Serra de Santo António

A Serra de Santo António é a grande paixão de Carlos Vieira Santos, o presidente da junta que há dois anos “roubou” a autarquia ao PSD. Sportinguista convicto, já conhece o novíssimo Alvalade XXI. Gosta de viajar pela Europa em grupo e prefere conduzir carros japoneses.Nascido e criado na Serra de Santo António há 60 anos, o actual presidente da junta de freguesia nunca precisou de sair do torrão natal para trabalhar. E, embora não goste de se vangloriar, Carlos Santos acredita que a terra lhe deve parte do seu desenvolvimento.

Edição de 26.11.2003 | O poder local aqui tão perto
Foi ele quem construiu um dos primeiros cafés da localidade, no terreno que servia de quintal ao pai. Que criou a primeira sala de jogos na aldeia. E uma agência do totoloto. Sem esquecer ainda a instalação das bombas de gasolina. O comércio foi a sua profissão durante toda a vida. Há cerca de três anos, porque a saúde começou a ficar debilitada, decidiu alugar o café Santo António, de que é proprietário, situado mesmo no centro da aldeia, junto à rotunda que mandou construir há dois anos quando tomou o poder.Diz arrepender-se “mil vezes” de ter edificado a sua habitação por cima do café. “O barulho já me incomoda”. Antes, pouco ou nada o incomodava. Nem o tabaco que todos os dias fumava por culpa dos clientes do bar. Carlos Santos passa hoje os dias no posto de combustíveis ou na agência do totoloto, separadas por uns 30 metros de distância. E na junta de freguesia, claro... Uma autarquia tirada a ferros ao PSD por apenas seis votos de vantagem. A vitória foi ainda mais saborosa pelo facto de, desde o 25 de abril, a freguesia nunca ter mudado de cor política.Sem militância partidária, “colou-se” ao PS, como independente, depois de nas anteriores eleições não ter conseguido fazer vingar a lista do GIAS – Grupo Independente Amigos da Serra. “Mas praticamente todo o grupo que concorreu na lista do GIAS há seis anos está comigo na junta”, salienta.Nos negócios tem como braço direito a mulher, Prudência, já que os dois filhos – Lígia e Dércio – preferiram seguir a via universitária e hoje são ambos professores. Por amor à terra, Carlos Santos quis ser autarca. E ainda não se arrependeu. Diz ter uma convivência saudável com a equipa que comanda os destinos do concelho de Alcanena, apesar de, nas últimas eleições, ter tomado partido por Carlos Cunha, o ex-governador civil de Santarém que competiu com Luís Azevedo na corrida à câmara. “Nunca senti qualquer represália por causa disso”.Sportinguista convicto, da qual o emblema de prata que possui, comemorativo dos 25 anos de sócio, é a maior prova, vai sempre que pode assistir aos jogos do seu clube e já conhece o novo Alvalade XXI. Nunca foi ao estrangeiro para ver a bola, mas gosta de fazer turismo integrado em grupos. De autocarro já foi a Espanha (muitas vezes), França, Andorra e Marrocos.Na sua garagem tem dois veículos – uma furgoneta e um automóvel familiar, ambos da marca Toyota. Porque considera que os carros têm de ser como os casamentos, fiáveis... Apesar de já ter feito muito pelo desenvolvimento da Serra de Santo António, antes e depois de ser autarca, Carlos Santos tem ainda um sonho por concretizar – construir um centro de dia e/ou lar para idosos. E já faltou bem mais.

Mais Notícias

    A carregar...