uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Álvaro Cunhal proposto por unanimidade para a toponímia de Santarém

Edição de 06.03.2013 | Sociedade
O nome do histórico líder comunista Álvaro Cunhal, falecido em 2005, vai integrar a toponímia de Santarém caso a câmara siga a proposta aprovada por unanimidade na última sessão da assembleia municipal, realizada a 28 de Fevereiro. A proposta da CDU defendia a atribuição do nome do carismático político comunista a uma avenida, rua ou praceta da cidade de Santarém e sugeria depois que essa designação fosse dada à Praceta Pedro Escuro, onde se situa a sede do PCP na cidade. Uma sugestão que não foi bem acolhida pelo presidente da Junta de Freguesia de Marvila, Carlos Marçal (PSD), que ameaçou votar contra (tal como a bancada do PSD) caso ficasse em aberto a possibilidade de substituir a denominação da Praceta Pedro Escuro pelo nome de Álvaro Cunhal, por considerar um desrespeito pelos autarcas que aprovaram noutros tempos o nome para a praceta. Além disso, referiu Carlos Marçal, a substituição do nome da praceta acarretaria incómodos e despesas para os moradores e comerciantes do local. Face à argumentação exposta, ficou assente que o nome de Álvaro Cunhal deve ser dado a uma artéria ou praça da cidade que não tenha designação. Refira-se que Pedro Escuro foi companheiro de D. Afonso Henriques na tomada de Santarém aos mouros, em 1147.

Mais Notícias

    A carregar...