uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Município de Mação reduz para metade o preço das refeições escolares

Edição de 24.09.2014 | Sociedade
A Câmara Municipal de Mação deliberou reduzir os valores das refeições escolares dos jardins-de-infância e do 1.º ciclo em 50% relativamente aos preços praticados ao longo dos últimos anos. Deste modo, os alunos contemplados com o 1.º escalão de subsídio escolar vão ter a refeição gratuita, os do 2.º escalão pagam 36 cêntimos e os do 3.º escalão e seguintes pagam 73 cêntimos. O presidente da autarquia, Vasco Estrela (PSD), sublinhou, na mesma reunião que, na prática, uma família de 3.º escalão com 2 filhos que pagava, num mês com 22 dias úteis 64,24 euros passa a pagar 32,12 euros. Já uma família de 2.º escalão com 2 filhos que, num mês com 22 dias pagava 32,12 euros, passa este ano a pagar 16,06 euros. A proposta já tinha sido assumida no plano de actividades da autarquia e representa um incremento no apoio às famílias com crianças a seu encargo. As crianças em escolaridade obrigatória têm também transporte gratuito para a escola, qualquer que seja a localidade de proveniência. Os alunos do secundário pagam apenas 50% do bilhete. A autarquia vai também continuar a apoiar as famílias na aquisição de livros dos alunos do 1.º ciclo do ensino básico, recomendados pelo Agrupamento de Escolas Verde Horizonte. O apoio é de 100% para alunos do 1.º Escalão, de 75% para alunos do 2.º Escalão, e de 50% para os restantes alunos, desde que tenha sido requerido à autarquia que, ao nível da Educação, foi pioneira na oferta de um Serviço de Psicologia junto das escolas tendo, neste momento, uma intervenção alargada.

Mais Notícias

    A carregar...