uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante

Os malefícios do Sebastianismo

Edição de 12.11.2014 | O Mirante dos Leitores
 Os homens providenciais que chegam numa manhã de nevoeiro são uma verdadeira especialidade nacional. E é bom que a aura romântica do D. Sebastião seja desmascarada. Também tive uma imagem boa do rei D. Sebastião quando era adolescente e estudava história mas acabei, como muitos outros, por perceber que foi um mau rei que apenas criou problemas ao país. Acredito que tenha contraído gonorreia em Almeirim ou Salvaterra de Magos aos dez ou onde anos de idade. Se foi por isso que nunca casou já duvido mas não ter deixado descendência e ter ido em Agosto lutar para o norte de África com infantaria foi de uma estupidez enorme. Ele ia para vencer ou morrer e também acho que morreu na batalha quando viu que iria sair derrotado. O ter desaparecido já deverá ter sido uma decisão de quem o acompanhava ou dos inimigos. Afinal o que aconteceria se o seu cadáver viesse para Portugal? Desejo de vingança e novas lutas estéreis com derrotas anunciadas? Despesas que arruinariam de vez o país? A ideia de Cavaco Silva como um D. Sebastião de ascendência árabe é simplesmente deliciosa. Em vez de salvar acabou por afundar isto ainda mais.David Fernandes de Sousa

Mais Notícias

    A carregar...