uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Câmara quer comprar casas degradadas junto ao parque de Santa Sofia

Câmara quer comprar casas degradadas junto ao parque de Santa Sofia

Objectivo é aproximar essa zona de lazer do centro da cidade. Actualmente os edifícios são espaços insalubres e abandonados. Em dois editais o município procura os donos dos imóveis para negociar a sua aquisição.

Edição de 11.08.2016 | Sociedade

O município de Vila Franca de Xira está a procurar os donos de vários barracões e edifícios devolutos situados na bica do chinelo, junto à Quinta da Mina em Vila Franca de Xira, com vista a negociar a sua aquisição e posterior demolição, para criar novos espaços de fruição.
Em dois editais publicados na última semana, o presidente daquele município, Alberto Mesquita (PS), notifica os proprietários para se dirigirem, no horário de atendimento ao público, aos serviços da Equipa Multidisciplinar da Reabilitação Urbana (EMRU), situada na rua Manuel Afonso de Carvalho, a fim de se darem início a negociações. À falta de informação sobre quem são os donos dos edifícios, o autarca apela a que, quem tenha alguma informação acerca da identidade do paradeiro dos proprietários, a faça chegar aos serviços camarários.
O objectivo é negociar a aquisição dos vários imóveis, que estão devolutos e degradados naquela que é uma das zonas mais movimentadas da cidade. A intervenção tem em vista aproximar ainda mais o parque urbano de Santa Sofia à comunidade. “Temos de aproximar o parque urbano da comunidade. Vamos negociar os terrenos e as casas ali próximos com esse objectivo”, refere o autarca.
Os investimentos surgem na sequência de um encaixe financeiro de quase três milhões de euros, cuja revisão orçamental foi aprovada na última reunião pública de câmara. “Este encaixe financeiro vai permitir esta intervenção que há muito era necessária e que até aqui não era possível fazer”, explica. Alberto Mesquita não revela, por enquanto, qual será o custo estimado das aquisições.
Mas quem vive perto do local olha com agrado para a intenção de se fazer ali uma intervenção. Os moradores há muito que se queixam do abandono a que estão votadas as edificações. “Às vezes durante o Colete Encarnado ou na Feira de Outubro havia gente de tertúlias que as ocupavam mas entretanto tudo fechou e as coisas ficaram para o abandonado. É triste ver isto aqui e gostava que realmente a câmara avançasse com essa ideia”, defende Maria Pereira, moradora, a O MIRANTE.
Outro residente, Fábio Monteiro, diz que a insalubridade do local “já merecia que alguma coisa fosse feita” porque, revela, “o sítio tem sido muito procurado pelos toxicodependentes”. Quem vive na zona espera que a obra possa avançar.
O parque urbano doutor Luís César Pereira, também conhecido como parque urbano de Santa Sofia, ocupa uma área superior a três hectares e fica situado entre a zona habitacional do Bom Retiro e a Quinta da Mina. Inserido na malha urbana, numa zona de taludes junto à ribeira de Santa Sofia, é um dos principais espaços verdes da cidade e um dos locais escolhidos todos os anos para as principais iniciativas envolvendo jovens e crianças da cidade.

Câmara quer comprar casas degradadas junto ao parque de Santa Sofia

Mais Notícias

    A carregar...