uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Fundação CEBI celebra 50 anos com novo lar de idosos como meta
Ana Maria Lima, ao centro, presidente do conselho de administração da CEBI

Fundação CEBI celebra 50 anos com novo lar de idosos como meta

Anúncio foi feito pela presidente do conselho de administração da instituição de Alverca durante a sessão comemorativa do cinquentenário.

Edição de 19.12.2018 | Sociedade

Num pavilhão repleto de pais, alunos, professores e convidados, a Fundação CEBI, de Alverca do Ribatejo, assinalou o seu 50º aniversário na tarde de quinta-feira, 6 de Dezembro. A abertura da cerimónia foi protagonizada pelos alunos do Colégio José Álvaro Vidal numa performance de música e dança e ao longo da tarde foram homenageados fundadores, beneméritos e funcionários da fundação que este ano comemoram 20 anos de serviço.
Dar “resposta aos novos desafios e necessidades da comunidade” é a ambição da fundação cuja teia social contempla respostas dirigidas a crianças, idosos e famílias desprotegidas. “Para breve, a CEBI deseja ter boas notícias do projecto para a construção do novo lar de idosos, com condições mais adequadas que substitua o actual”, anunciou Ana Maria Lima, presidente do conselho de administração da Fundação CEBI.
Segundo a dirigente, “os desafios são tão actuais como há 50 anos e a determinação para os ultrapassar tem de ser a mesma”, mantendo o “compromisso para com a sociedade numa procura de respostas para os novos desafios e necessidades que a comunidade exija”, dando continuidade ao trabalho feito no passado.
Recorde-se que a fundação deu um importante passo no arranque deste ano lectivo, com a abertura do ensino secundário que passa a permitir aos jovens da CEBI fazer todo o seu percurso desde o pré-escolar até à conclusão do ensino secundário naquela instituição.
Ana Maria Lima lembrou ainda os elementos fundadores que ergueram os primeiros alicerces de uma instituição hoje cinquentenária. “O grupo de pessoas de diversas origens começou por se reunir e inventariar as necessidades e dificuldades sentidas pela comunidade”, imbuídos num “verdadeiro espírito solidário”, notou.
Na cerimónia esteve também presente o presidente do município de Vila Franca de Xira, Alberto Mesquita, que se referiu à abertura do ensino secundário como “um sonho acalentado, de elevada importância para a fundação e para a oferta educativa no concelho” de Vila Franca de Xira. O autarca deixou ainda expressa a vontade de se encontrar uma “solução” para a construção de um novo lar de idosos.
Na sessão, José Álvaro Vidal foi homenageado a título póstumo. Na sua intervenção, a viúva, Manuela Vidal, salientou que “as pessoas morrem mas a obra perdura para sempre, tal como os sonhos que foram transmitidos”. Foram ainda homenageados a título póstumo Manuel do Carmo Sacramento, Fernando Teixeira e Maria Eduarda Segura de Faria. Fernando Henriques, outro dos homenageados, comparou o início da fundação a uma semente lançada há 50 anos, que continuará a crescer.

Fundação CEBI celebra 50 anos com novo lar de idosos como meta

Mais Notícias

    A carregar...