uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Convento de Santa Iria e ex-Colégio Feminino à venda
Processo de venda do Colégio Feminino de Tomar continua por fechar

Convento de Santa Iria e ex-Colégio Feminino à venda

Câmara de Tomar indica um preço base de 1,3 milhões de euros e considera que esta é a melhor decisão para aqueles imóveis contíguos no centro da cidade.

Edição de 10.04.2019 | Sociedade

A Câmara de Tomar vai colocar à venda, em hasta pública, o Convento de Santa Iria e o ex-Colégio Feminino por um preço base de um milhão e trezentos e cinquenta mil euros. A proposta foi aprovada por unanimidade em sessão camarária. O vice-presidente do município, Hugo Cristóvão (PS), explicou que há alguns ano a Câmara de Tomar adquiriu uma parte do imóvel e expropriou outra. “Ainda pensámos numa concessão mas iria comportar valores muito elevados que o município não teria capacidade para assegurar”, disse. Em Setembro de 2017, no final do anterior mandato, foi aprovada em assembleia municipal, a decisão de vender os imóveis em definitivo.
O autarca referiu que o município tem estado a trabalhar desde o último Verão no caderno de encargos pois existiam algumas incongruências burocráticas, nomeadamente no processo de expropriação, tendo sido feito um novo levantamento topográfico de forma a rectificar um conjunto de situações. “Por isso, só agora o município está em condições de lançar o caderno de encargos para hasta pública”, explicou o autarca.
Hugo Cristóvão referiu também que poderá haver um leilão caso apareçam vários interessados e será tido em conta o valor mais alto oferecido. O vice-presidente considera que este conjunto de imóveis tem um enorme potencial, mas para o município seria uma responsabilidade demasiado grande investir ali.
O vereador Luís Ramos (PSD) considerou que a avaliação feita aos imóveis deveria ser mais exaustiva. O seu colega de bancada, Francisco Madureira, justificou que o seu partido iria votar favoravelmente uma vez que os edifícios estão a degradar-se ano após ano e é necessário fazer alguma coisa. Os interessados devem entregar as propostas em carta fechada em prazos ainda por definir.

Processo antigo que ainda não está resolvido
Em 2009, a Câmara de Tomar, presidida por Corvêlo de Sousa (PSD), aprovou o lançamento de um concurso público para venda do Convento de Santa Iria e do ex-colégio feminino, com um valor base de 1,5 milhões de euros com vista à instalação de uma unidade hoteleira com a categoria mínima de quatro estrelas, mas não deu entrada na câmara nenhuma proposta de aquisição dos espaços.
Posteriormente, a autarquia abriu a possibilidade de compra através de um contrato de constituição de direito de superfície que se estendia por 75 anos mas também não surgiram investidores. Em Abril de 2010 parte da cobertura do ex-convento ruiu, o que motivou a remoção de todas as coberturas e paredes que ameaçavam desabar e que colocavam em perigo pessoas e bens. Seguiram-se obras de preservação no Convento de Santa Iria no valor de 24.200 euros.
Em 2013, o actual executivo, presidido por Anabela Freitas (PS), realizou um investimento que ascendeu aos 147.938,79 euros. As obras incidiram, sobretudo, na consolidação da fachada poente, na reabilitação de coberturas e de outras estruturas interiores.

Convento de Santa Iria e ex-Colégio Feminino à venda

Mais Notícias

    A carregar...