uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Dia do Bombeiro assinalado em Vila Franca de Xira com prendas e medalhas
Cerimónia do Dia Municipal do Bombeiro de Vila Franca de Xira decorreu este ano na sede de concelho

Dia do Bombeiro assinalado em Vila Franca de Xira com prendas e medalhas

Bombeiros de Vila Franca de Xira receberam equipamento de desencarceramento oferecido pelo município e mais de duas dezenas de soldados da paz foram condecorados pelos anos de serviço.

Edição de 05.06.2019 | Sociedade

O Dia Municipal do Bombeiro, organizado pela Câmara de Vila Franca de Xira, ficou marcado este ano pela oferta de um equipamento de desencarceramento à corporação dessa cidade. A cerimónia reuniu em formatura as seis corporações do concelho - Alhandra, Alverca, Castanheira, Póvoa de Santa Iria, Vialonga e Vila Franca de Xira.
Numa mensagem dirigida aos bombeiros, o presidente da Câmara de Vila Franca de Xira, Alberto Mesquita (PS), reconheceu o esforço de largas centenas de voluntários que todos os dias zelam pela protecção e socorro da população, assegurando-lhes que a autarquia continuará a ser parceira dos bombeiros, apostando no investimento e apoio ao desenvolvimento dessa actividade.
Alberto Mesquita aproveitou ainda para revelar que em 2018 o apoio prestado às associações do concelho foi superior a um milhão e 400 mil euros, abrangendo áreas de investimento em seguros e formação, merecendo particular destaque obras e aquisição de equipamentos que resultaram das verbas disponibilizadas no âmbito do orçamento participativo e do programa de apoio ao movimento associativo.
Para o presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros de Vila Franca de Xira, Victor Batalha, esse dia foi comemorado sob “um contexto difícil para a estrutura dos bombeiros”, que diz ter sido traída nos fogos florestais dos dois anos anteriores, por pseudo entendidos na matéria e conselheiros da desgraça, que na busca de culpados pelo flagelo dos fogos só se lembraram de apontar o dedo aos bombeiros.
Victor Batalha lembrou que os bombeiros representam “99 por cento da emergência e socorro de pessoas e bens” e que “muito há ainda para fazer e discutir” no que respeita aos apoios sociais e aos comandos distritais, agora em vias de serem substituídos por uma estrutura de âmbito regional.
No final do discurso, o dirigente dos Bombeiros de Vila Franca agradeceu ao município os apoios que tem prestado às corporaçoes e lançou novamente o repto para a construção de um monumento de homenagem ao bombeiro na cidade. Desafio a que o líder do município vilafranquense atendeu, dizendo que em tempo oportuno levará a proposta a reunião do executivo camarário.

Condecorações por tempo de serviço
Um dos momentos altos da cerimónia foi o da entrega de condecorações a bombeiros pelos anos de serviço prestados à comunidade. A adjunta de comando dos Bombeiros da Póvoa de Santa Iria, Elizabete Costa, recebeu a medalha pelos seus 30 anos de serviço. O segundo comandante, Bartolomeu Dias e o subchefe Bruno Mira dos Bombeiros de Castanheira, e o bombeiro de segunda Filipe Pinto da corporação de Alhandra foram condecorados pelos 20 anos de serviço. Pelos 10 anos foram ainda atribuídas medalhas municipais a uma dezena de bombeiros.

Dia do Bombeiro assinalado em Vila Franca de Xira com prendas e medalhas

Mais Notícias

    A carregar...