uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Morreu a menina do Cartaxo que sofria de leucemia
Maria Inês Carvalho

Morreu a menina do Cartaxo que sofria de leucemia

Maria Inês Carvalho, estudante do Agrupamento de Escolas Marcelino Mesquita, faleceu no dia 2 de Janeiro.

Edição de 15.01.2020 | Sociedade

Maria Inês Carvalho, a menina de 14 anos residente no Cartaxo que sofria de leucemia mielóide aguda, faleceu na quinta-feira, 2 de Janeiro. A notícia foi dada pelo Agrupamento de Escolas Marcelino Mesquita na sua página de Facebook.
“É com imensa dor que partilhamos a partida de uma querida aluna do nosso Agrupamento. Sentidos pêsames à família. A Maria Inês continuará a brilhar, agora numa outra dimensão”, pode ler-se na publicação.
Também o presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, comentou a morte de Maria Inês Carvalho: “Uma lutadora que partiu! A vida foi muito injusta para com a Maria Inês. Um abraço fraterno e solidário para os pais, para toda a família e amigos. Que descanses na Paz que bem mereces”, referiu o autarca.
Nas redes sociais sucederam-se mensagens de pesar pela morte da estudante do Agrupamento de Escolas Marcelino Mesquita que contava no sábado, 4 de Janeiro, com um concerto de solidariedade com receitas a seu favor, a realizar no Centro Cultural do Cartaxo, que acabou por ser adiado. Rolando Ferreira, responsável pela direcção do concerto, informou que este irá acontecer como homenagem a Maria Inês em data a definir, segundo divulgou a Câmara do Cartaxo em nota informativa.

Morreu a menina do Cartaxo que sofria de leucemia

Mais Notícias

    A carregar...