uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Três infectados com coronavírus em Coruche
O presidente da Câmara de Coruche, Francisco Oliveira, tem reunido com os delegados de saúde

Três infectados com coronavírus em Coruche

Um homem, uma mulher e uma adolescente estão internados depois das análises terem sido positivas para o vírus Covid-19.

Edição de 20.05.2020 | Sociedade

Na manhã de quarta-feira, 11 de Março, havia três casos confirmados de infecção com vírus Covid-19 na zona de Coruche: um homem de 37 anos, residente em Alverca e uma mulher, de 40 anos, residente no Rebocho, ambos trabalhadores da fábrica Dacsa Atlantic, em Coruche; e uma adolescente, filha da mulher infectada, que frequenta a Escola Secundária com 3º Ciclo de Coruche.
Todos os funcionários que estiveram em contacto com os dois trabalhadores dessa fábrica de arroz foram postos em quarentena. As informações foram dadas a O MIRANTE pelo presidente da Câmara de Coruche, Francisco Oliveira, que já reuniu com o proprietário da unidade de produção de arroz, que, por indicação da Direcção-Geral de Saúde (DGS), encerrou a fábrica durante o fim-de-semana e segunda-feira. Na terça-feira, 10 de Março, abriu apenas uma linha de embalamento. Segundo o autarca, o delegado de saúde de Santarém esteve na arrozeira para verificar se as ordens estavam a ser cumpridas.
No caso da estudante infectada a associação de pais da escola manifestou-se na manhã de quarta-feira, 11 de Março, “totalmente contra a continuação da frequência de alunos na escola”, referindo que a direcção do Agrupamento de Escolas de Coruche também partilhava essa posição. “Sabemos que o delegado regional de saúde irá hoje de manhã à escola e esperamos que a decisão mais correcta e coerente seja tomada o quanto antes, a do encerramento da escola”, lia-se na comunicação divulgada nas redes sociais pela Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Secundária com 3º Ciclo de Coruche.

Vírus chegou a Coruche vindo de Espanha
Os dois funcionários da fábrica de arroz terão sido infectados através do contacto que tiveram com um indivíduo de 33 anos, que foi o segundo caso a ser confirmado com o vírus em Portugal, e que esteve em Coruche a efectuar reparações numa máquina industrial, depois de ter estado em Valência, Espanha.
O MIRANTE tentou obter esclarecimentos junto da empresa Dacsa Atlantic, que tem sede em Lisboa, mas até ao fecho da edição a administração não prestou declarações.
O presidente da Câmara de Coruche previa reunir na quarta-feira, 11 de Março, com a Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil e com o delegado de saúde, para perceber a “dimensão da situação” no concelho, de modo a definir que medidas devem ser tomadas. “Para já, aquilo que pedimos à população é que siga as recomendações da DGS principalmente as pessoas que estão de quarentena, não saindo de casa”. O autarca diz estar a acompanhar de perto a evolução da situação e admite estar preocupado.
PSP cancela acções de esclarecimento em Coruche
A Polícia de Segurança Pública (PSP) cancelou as acções de regularização e esclarecimentos sobre armas e explosivos previstas para os próximos dias no concelho de Coruche. Na terça-feira, 10 de Março, estava prevista uma acção na Branca; no dia 12 no Couço e no dia 17 de Março em São José da Lamarosa que devem ser reagendadas para datas a anunciar pela PSP.

Três infectados com coronavírus em Coruche

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido