Sociedade | 01-02-2019 18:00

Agentes culturais da região foram abandonados pelo Estado

Agentes culturais da região foram abandonados pelo Estado

Santarém é a única região do país onde não existe uma Direcção Regional de Cultura

O Círculo Cultural Scalabitano (CCS), de Santarém, vai remeter aos decisores políticos uma carta para contestar a ausência de uma política pública de cultura num território de 52 concelhos - que abrange o Ribatejo, Oeste e a Grande Lisboa -, o único do país onde não existe uma Direcção Regional de Cultura.

A situação dos 52 concelhos que eram abrangidos pela Direcção Regional de Cultura de Lisboa e Vale do Tejo, extinta em 2011, e que viram as competências desta integradas nas Direcções Gerais das Artes e do Património Cultural, esteve no centro da primeira tertúlia “À mesa com…”, promovida pelo Círculo Cultural Scalabitano. Uma iniciativa que decorreu a 18 de Janeiro, no restaurante Adiafa, e contou com a presença da directora regional de Cultura do Alentejo, Ana Amendoeira.

Notícia completa na edição de O MIRANTE já nas bancas

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1416
    14-08-2019
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1416
    14-08-2019
    Capa Vale Tejo