Sociedade | 26-04-2019 15:00

Perfil falso ridiculariza vereadora de Santarém no Facebook

Perfil falso ridiculariza vereadora de Santarém no Facebook

Inês Barroso aparece em montagens com fotografias de casas de alterne e nudez.

A vereadora da Câmara de Santarém, Inês Barroso (PSD), foi surpreendida com um perfil falso na rede social Facebook sobre a sua pessoa, que visa achincalhá-la publicamente. A autarca descobriu a página “Inês Barroso chocada com cenas” poucos dias depois de ela ter sido criada, tendo já apresentado queixa nas autoridades contra desconhecidos, esperando que se apure quem é o autor ou autores da página.

A página criada é do tipo das que são feitas para as organizações e empresas, em que os utilizadores das redes sociais colocam um gosto para seguir a página e as publicações. Desde 6 de Abril, quando foi colocada a primeira publicação, precisamente uma foto da vereadora, à 01h50, que têm vindo a ser colocadas várias imagens manipuladas em que é usada a imagem de Inês Barroso.

Nas publicações não é colocada qualquer legenda, nem comentário, sobre as imagens publicadas e que estão disponíveis publicamente, mesmo para quem não é seguidor da página. Há fotografias de todos os tipos, como a de uma casa de alterne onde foi colada a fotografia de corpo inteiro da vereadora, ou de dois homens e uma mulher nus com pizas a taparem as partes íntimas. A foto da vereadora da Cultura usada nestas manipulações é quase sempre a mesma, na qual está vestida de forma informal de calças de ganga e com um casaco de pele castanho.

De entre os seguidores da página estão a esposa do vereador do PS na oposição na câmara, Rui Barreiro, e o filho deste, Pedro Barreiro, que era programador do Teatro Sá da Bandeira e foi dispensado no final de 2017 após algumas polémicas, entre elas a da realização de um espectáculo que envolveu cenas de nus. Na altura a vereadora da Cultura explicou em reunião do executivo que recebeu um “bombardeamento” de telefonemas por causa de cenas mais ousadas da peça “O Mandarim – Apóstrofe e Paciência”, com nudez feminina e palavrões.

Inês Barroso, questionada por O MIRANTE sobre a página, diz que não sabe quem possa estar por trás desta situação, realçando que essa pessoa pretende beliscar o cargo que ocupa e a sua pessoa. Apesar de sublinhar que o perfil falso no Facebook a está a desconsiderar, a autarca realça que enquanto se deitar à noite de consciência tranquila isto não a afecta, acrescentando que apesar de ser “uma tristeza” não vai dar muita atenção ao caso.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1449
    04-03-2020
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1449
    04-03-2020
    Capa Vale Tejo