Sociedade | 25-06-2019 15:00

Mais uma corrida, mais uma viagem!

Mais uma corrida, mais uma viagem!
CARTOON DA NOTICIA

A Câmara de Coruche decidiu que fosse aplicada uma tarifa simbólica de dois euros por pessoa e por viagem a quem quisesse dar uma voltinha num dos dois tuk-tuks que estiveram disponíveis durante a FICOR.

A Câmara de Coruche decidiu que fosse aplicada uma tarifa simbólica de dois euros por pessoa e por viagem a quem quisesse dar uma voltinha num dos dois tuk-tuks que estiveram disponíveis durante a FICOR – Feira Internacional da Cortiça de Coruche, que se realizou na vila. O objectivo foi possibilitar que as pessoas pudessem visitar o centro histórico ou ir à Igreja de Nossa Senhora do Castelo sem terem de se cansar muito. “Houve um ano que tivemos uma charrete puxada por um cavalo, noutros anos tivemos outro tipo de equipamentos. Desta vez quisemos inovar”, referiu o presidente da câmara, Francisco Oliveira, adiantando que ainda ponderaram que o circuito fosse gratuito, mas como sabem que as pessoas iriam abusar, desistiram da ideia. O autarca adiantou ainda que os tuk-tuks custaram cerca de 500 euros ao município com a condição de ir buscá-los e levá-los a Lisboa.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1412
    18-07-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1412
    18-07-2019
    Capa Médio Tejo