Sociedade | 07-09-2019 07:00

Adjudicada empreitada de requalificação da antiga central do Caldeirão

Adjudicada empreitada de requalificação da antiga central do Caldeirão
REQUALIFICAÇÃO
foto DR

Câmara de Torres Novas vai investir quase dois milhões de euros para dar nova vida ao imóvel.

A antiga central hidroeléctrica do Caldeirão, em Torres Novas, vai ser requalificada e adaptada para receber actividades lúdicas e culturais e acolher espaços destinados a comércio e serviços. A empreitada foi adjudicada recentemente pela Câmara de Torres Novas à firma SECAL - Engenharia e Construções, S.A., de Alcanena, pelo valor de 1.585.887 euros, acrescido de IVA. O prazo de execução previsto é de 12 meses.

A intervenção prevê a criação de uma área museológica alusiva ao funcionamento da antiga central, que vai dotar o edifício de condições para acolher acções culturais e de dinamização social e económica. Um restaurante, um espaço multiusos para espectáculos e áreas para comércio prometem tornar o imóvel num novo ponto de atracção da cidade

A obra está incluída no PEDU - Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano, salvaguardando as características arquitectónicas do imóvel e recuperando ainda a maquinaria existente. As áreas exteriores também vão ser requalificadas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1419
    05-09-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1419
    05-09-2019
    Capa Médio Tejo