Sociedade | 04-11-2019 18:51

Reunião na Escola Febo Moniz de Almeirim para controlar distúrbios

Reunião na Escola Febo Moniz de Almeirim para controlar distúrbios

Foram convocadas duas dezenas de pais de alunos mais problemáticos e estiveram presentes a GNR, CPCJ e Segurança Social

O Agrupamento de Escolas de Almeirim promoveu uma reunião com duas dezenas de pais de alunos identificados como causadores de maus comportamentos na Escola do Segundo e Terceiro Ciclo Febo Moniz, na cidade. A intenção desta reunião, conduzida pelo director do agrupamento, José Carreira, foi sensibilizar os pais para a necessidade de controlarem os filhos no sentido de estes não provocarem complicações no estabelecimento de ensino.

Esta acção visou também elucidar os encarregados de educação para as medidas que o agrupamento pode adoptar em caso de distúrbios, além de outras consequências.

A reunião teve a participação da GNR, da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens e de técnicos da Segurança Social. Com esta iniciativa, o agrupamento pretende controlar os maus comportamentos numa escola que tem perto de setecentos alunos.

José Carreira, questionado por O MIRANTE, sublinha que as escolas têm regras e que tanto alunos como pais devem estar conscientes delas e da necessidade de serem cumpridas, para que o ano lectivo decorra sem distúrbios.

Antes da reunião, na segunda-feira, 28 de Outubro, chegou a haver na portaria da escola um desentendimento entre elementos de famílias rivais, que foi rapidamente controlado pelos militares do posto da GNR, que se situa em frente, e que já estavam junto à escola para participarem na reunião.

Os elementos que iniciaram os distúrbios acabaram por abandonar o local e já não participaram no encontro.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1429
    13-11-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1429
    13-11-2019
    Capa Médio Tejo