Sociedade | 12-02-2020 18:00

Uma verdadeira carga de trabalhos

Uma verdadeira carga de trabalhos
CARTOON DA NOTICIA

A recente aceitação da transferência de competências do Estado na área da educação, por parte do município de Vila Franca de Xira, veio obrigar à integração de 700 novos trabalhadores das escolas do concelho no quadro de pessoal da câmara.

A recente aceitação da transferência de competências do Estado na área da educação, por parte do município de Vila Franca de Xira, veio obrigar à integração de 700 novos trabalhadores das escolas do concelho no quadro de pessoal da câmara. Uma tarefa complicada, especialmente para quem trata de processar os salários dos mais de mil trabalhadores do município. A situação podia ter sido feita atempadamente e com calma, não fosse o próprio ministério ter deixado tudo para a última e ter sido, a poucos dias do fim do mês de Janeiro, publicado o decreto que efectiva a passagem dos novos colaboradores para os quadros municipais. Isto levou a que de um dia para o outro os trabalhadores da secção que processa os salários tivessem de fazer das tripas coração para conseguir introduzir toda a gente no sistema e processar os salários a tempo. Uma situação que mereceu um reparo da vereadora Regina Janeiro (CDU) na última reunião pública de câmara, onde criticou a forma “atabalhoada” como a transferência foi feita e elogiando a capacidade de resiliência dos trabalhadores municipais em lidar com o imprevisto. Foi, de verdade, uma lição que eles tão cedo não vão esquecer...

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1466
    09-07-2020
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1466
    09-07-2020
    Capa Vale Tejo