Sociedade | 02-04-2020 14:07

Dinamarca compensa perda de receitas dos jornais durante a crise

Dinamarca compensa perda de receitas dos jornais durante a crise
INTERNACIONAL
foto DR

Ministra da cultura dinamarquesa diz que a imprensa é fundamental para a democracia, principalmente nesta altura em que é necessária informação credível.

A Dinamarca vai apoiar os meios de comunicação social que registem prejuízos devido à quebra das receitas publicitárias. As compensações oscilarão entre 50 e 80 por cento das perdas registadas e o montante disponibilizado para o efeito é superior a 24 milhões de euros.

A medida é dirigida a todos os jornais cuja facturação verifique uma quebra de receitas superior a 30 por cento do facturado, em média, em 2019. Nesses casos o Estado suportará 60 por cento das receitas. Quanto maiores forem as quebras de receitas maior será a ajuda. Para perdas superiores a 50 por cento, a compensação pública será de 80 por cento.

O apoio compensará a perda de receitas de publicidade entre 9 de Março e 8 de Junho de 2020, desde que as perdas sejam directamente atribuíveis à crise desencadeada pela pandemia. Os beneficiário são jornais impressos e digitais, diários e semanais, revistas e rádios comerciais.

A medida foi aprovada pelo governo e é apoiada pelos principais partidos políticos. A ministra da cultura dinamarquesa, Joy Mogensen, justificou-se dizendo que os jornais dinamarqueses são fundamentais para a democracia. "Especialmente durante esse período, é importante que tenhamos meios críticos que possam fornecer informações confiáveis, ​​que nos ajudem a enfrentar os principais desafios", sublinhou.

Em Portugal o Governo não tomou, até agora, qualquer medida de apoio aos meios de comunicação social. Na região, só a câmara de Vila Franca de Xira anunciou apoios para a imprensa regional nesta altura da crise.

https://omirante.pt/covid-19/2020-04-01-Vila-Franca-de-Xira-promete-apoios-a-imprensa-local

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1463
    09-07-2020
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1463
    09-07-2020
    Capa Vale Tejo