Sociedade | 10-07-2020 12:55

Prisão preventiva para detidos na operação do SEF em Almeirim e Alpiarça

Prisão preventiva para detidos na operação do SEF em Almeirim e Alpiarça

Os três estrangeiros estão indiciados de tráfico de pessoas e de auxílio à imigração ilegal

Os três suspeitos de tráfico de pessoas e de auxílio à imigração ilegal, detidos na quarta-feira numa operação do pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) em Almeirim e Alpiarça, ficam em prisão preventiva enquanto decorre o processo. Os três elementos detidos, de nacionalidade estrangeira, tinham escritório no centro de Almeirim.

O SEF diz que o objectivo da operação foi o “desmantelamento de uma rede de tráfico de seres humanos e crimes conexos, com a introdução de trabalhadores estrangeiros, alguns em situação irregular, em explorações agrícolas no Ribatejo”.

Na operação foram feitas quarenta buscas e apreendidos vários meios informáticos, viaturas, e documentos que indiciam os crimes, bem como uma avultada quantia de dinheiro, cujo montante o SEF não divulga.

A operação “Lezíria" já decorria há um ano e na acção de quarta-feira, 8 de Julho, foram identificados cerca de 140 trabalhadores asiáticos, dos quais dez estão sinalizados como vítimas do crime de tráfico de pessoas. “Estes cidadãos estavam, na sua maioria, sujeitos a condições degradantes de trabalho, alojamento e salubridade”, refere o SEF.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1467
    09-07-2020
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1467
    09-07-2020
    Capa Vale Tejo