Sociedade | 08-04-2021 18:00

População reconstrói casa para jovem mãe vítima de violência doméstica

População reconstrói casa para jovem mãe vítima de violência doméstica
SOCIEDADE
Ângela Duarte, Cristiana e Élio Cruz

Uma vivenda em Salvaterra de Magos está a ser recuperada com a solidariedade de muitos para ser o seu novo lar.

Saiu de casa há mês e meio com um filho na barriga, outro de dois anos pela mão e um saco plástico na outra. Sentiu-se perdida, desamparada, com medo de acabar a viver debaixo de uma ponte, mas consciente que o risco maior morava dentro de casa. Apresentou queixa à polícia e a Cruz Vermelha Portuguesa encontrou-lhe uma pensão. Não bastava.

Lançou então um apelo nas redes sociais e a resposta que procurava chegou de Salvaterra de Magos. Eram cinco da manhã quando Ângela Duarte, se meteu no carro e foi a Lisboa buscar a jovem de 27 anos, vítima de violência doméstica.

“Podia estar a mentir-me, podia estar a meter-me em problemas, mas não pensei duas vezes. Tinha que ajudar aquela mulher”, conta, a O MIRANTE, Ângela Duarte que abrigou em sua casa a jovem grávida e o seu bebé.

*Conheça toda a história na edição semanal em papel desta quinta-feira, 8 de Abril

Mais Notícias

    A carregar...