Sociedade | 26-07-2021 18:00

Restaurante Brazão é uma referência nos grelhados no carvão e nos petiscos

Restaurante Brazão é uma referência nos grelhados no carvão e nos petiscos
ECONOMIA
Daniel Domingos (à direita), gerente do Restaurante Brazão, em Santarém com dois dos elementos da sua equipa (foto DR)

No restaurante Brazão a rota do petisco “Santarém Petiscos & Vinhos do Tejo” não obrigou a qualquer alteração.

No restaurante Brazão a rota do petisco “Santarém Petiscos & Vinhos do Tejo” não obrigou a qualquer alteração. O funcionamento habitual já está adaptado ao conceito, os petiscos estão a ser servidos todo o ano e na carta de vinhos, 90 por cento já são vinhos do Tejo.

O gerente, Daniel Domingos, é um apreciador da boa mesa e diz que isso é essencial para quem está no sector. Isso e a capacidade de nunca parar de explorar, conhecer, visitar e partilhar as boas experiências que vai tendo.

Apesar de também gostar de cozinhar Daniel Domingos não manda na cozinha. Na do restaurante manda a cozinheira. Na de sua casa manda a companheira. E ele assegura que ambas são excelentes cozinheiras.

E o que é um bom cozinheiro. É aquele que faz aquelas “avarias” que vemos nos programas da televisão ou o que é capaz de despachar os pedidos rapidamente quando os clientes estão com fome...e mesmo assim receber elogios?

O proprietário do restaurante Brazão responde: “Um bom cozinheiro é o que consegue conjugar todos os factores. Consegue inovar sem descaracterizar o que de mais genuíno tem a tradição; consegue tornar tudo ainda mais apelativo com uma boa apresentação; consegue resistir bem à pressão dos pedidos de uma sala cheia e ainda fazer com que todos sintam que aqueles momentos valeram a pena”.

Os enchidos, embutidos e queijos são petiscos que têm lugar cativo na carta do restaurante. Há outros que são sazonais, explica. “No Verão, em concreto, há uma diversificação pelas saladas frias, como as de polvo, de ovas, as ‘punhetas’ de bacalhau, e o refogado com ovos e batatas fritas, mas também os pica-pau, o feijão frade com atum, o caracol à Bulhão Pato, as espetadas de caracol e o camarão frito. Na ementa de refeições o cozido à portuguesa e a sardinha aos sábados, no tempo dela, são emblemas da casa, que tem como o seu forte os grelhados no carvão.

Com tudo a aumentar, e com as pessoas a olhar para os preços, Daniel Domingos reconhece que é necessária muita criatividade e equilíbrio para dar resposta de qualidade aos clientes. E também incorpora nesse esforço a disponibilidade de quem fica mais umas horas a trabalhar sem receber mais por isso.

O Restaurante Brazão fica no nº 25 da Avenida dos Combatentes, em Santarém, e funciona de segunda a sábado, das 11h00 às 15h30 e das 19h00 às 22h30, encerrando aos domingos.

Mais Notícias

    A carregar...