Sociedade | 10-01-2022 21:00

Apanhado o suspeito de balear pelas costas polícia da Póvoa de Santa Iria

Apanhado o suspeito de balear pelas costas polícia da Póvoa de Santa Iria

Agressor é estrangeiro e as autoridades pensavam que já tinha fugido para fora da Europa. Acabou apanhado com a ajuda da Judiciária e PSP de Vila Franca de Xira.

O suspeito de ter baleado pelas costas um agente da PSP que presta serviço na esquadra da Póvoa de Santa Iria já foi detido pela Polícia Judiciária e com a colaboração da PSP de Vila Franca de Xira e vai aguardar julgamento em prisão preventiva. O suspeito foi ouvido em primeiro interrogatório judicial no tribunal de instrução criminal de Torres Vedras e está indiciado dos crimes de homicídio na forma tentada e uso de arma proibida.
O agressor, de 30 anos e estrangeiro, estava em fuga e foi apanhado escondido numa casa abandonada entre os concelhos de Vila Franca de Xira e Arruda dos Vinhos. A Judiciária acredita que sobre o suspeito recaem fortes indícios da prática dos disparos que deixaram o agente da polícia em estado grave. O caso remonta a 20 de Novembro quando o agente da esquadra da Póvoa, de 35 anos, se encontrava fora de serviço numa festa que decorria numa discoteca em Sobral de Monte Agraço.
Tal como O MIRANTE noticiou na altura, o agressor desentendeu-se com o agente no interior da discoteca e depois de ter sido mandado para o exterior pelos seguranças, regressou com uma arma de calibre 38 na mão com a qual forçou a reentrada na discoteca. Disparou duas vezes contra o agente a curta distância pelas costas e fugiu. Apenas um dos disparos atingiu o polícia, que sofreu ferimentos graves que careceram de intervenção cirúrgica urgente no hospital. Depois do crime o suspeito colocou-se em fuga, não regressou à sua residência nem aos locais que habitualmente frequentava, chegando a pensar-se que tivesse fugido do país.
Após a execução do crime, refere a PJ em comunicado, o agressor ausentou-se da residência e dos locais habituais de contacto, naquela que considera ser “uma trajectória nítida de fuga às autoridades policiais devido à gravidade do crime praticado”.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo