Sociedade | 11-01-2022 10:21

Cães mantidos há meses em ambiente insalubre no Entroncamento

Cães mantidos há meses em ambiente insalubre no Entroncamento

Vizinhos denunciaram há meses a situação de insalubridade em que vivem os animais, mas o caso acabou arquivado pelo Ministério Público. Município intenta nova acção contra o que considera ser um caso grave de saúde pública.

Há vários meses que três cães passam grande parte dos dias confinados na varanda de um apartamento na Rua Cidade de Penafiel, na cidade do Entroncamento. Rodeados de dejectos, sem água ou alimento à disposição, os animais vivem numa situação de insalubridade que está a gerar indignação e que apesar das várias queixas apresentadas na PSP não se resolve.

A Polícia deslocou-se diversas vezes ao local, tendo elaborado vários autos de contra-ordenação que foram posteriormente remetidos ao Ministério Público que, por sua vez,  se decidiu pelo arquivamento do processo por entender que não existiam evidências de maus tratos aos animais. O último auto elaborado, adianta a O MIRANTE fonte oficial da PSP, foi elaborado na noite de domingo, 9 de Janeiro, depois de ter chegado uma nova queixa às autoridades.

Contactada por O MIRANTE, a vice-presidente da Câmara do Entroncamento, Ilda Joaquim, responsável pelouro do ambiente considera tratar-se de um caso de “saúde pública grave” estando por isso a autarquia a intentar uma nova acção no sentido da resolução do problema.

*Notícia desenvolvida na próxima edição semanal de O MIRANTE. 

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo