Sociedade | 23-09-2022 11:59

Agrupamento de Escolas de Azambuja candidata-se à criação de um Centro Tecnológico Especializado

Agrupamento de Escolas de Azambuja candidata-se à criação de um Centro Tecnológico Especializado

Candidatura ao Plano de Recuperação e Resiliência tem como objectivo a implementação de um centro de informática na Escola Secundária de Azambuja.

O Agrupamento de Escolas de Azambuja apresentou uma candidatura ao Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) na sua componente Qualificações e Competências, para a implementação de um Centro Tecnológico Especializado (CTE) de Informática, na Escola Secundária de Azambuja. A candidatura, que está a aguardar resultado de financiamento conta com o apoio e colaboração da Câmara de Azambuja, através da celebração de protocolo e cuja proposta foi aprovada por unanimidade na última reunião do executivo municipal.

No protocolo estabelecido entre as duas entidades, o Agrupamento de Escolas de Azambuja refere que os CTE visam “reequipar e robustecer a infraestrutura tecnológica das escolas com oferta de ensino profissional, através da instalação ou modernização de espaços e equipamentos”. Além disso, os centros tecnológicos visam combater as desigualdades sociais e de género e aumentar a probabilidade no acesso ao emprego, sobretudo de jovens e adultos com baixo grau de qualificação.

O presidente do município, Silvino Lúcio, adiantou que caso a implementação obtenha financiamento do PRR terão que ser feitas alterações na estrutura do bloco 3 da Secundária de Azambuja. Isto porque, recorde-se, já se encontra concluído o projecto da requalificação deste estabelecimento de ensino que vai custar 4,7 milhões de euros.

O Governo pretende, através do PRR e até 2025, proceder à instalação e modernização de 365 Centros Tecnológicos Especializados em estabelecimentos de ensino públicos com oferta de cursos profissionais e em escolas profissionais, públicas ou privadas, dos quais 115 centros industriais, 30 centros de energias renováveis, 195 centros de informática e 25 centros digitais e multimédia. Os CTE serão geridos por directores da rede de escolas públicas ou por entidades privadas.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1588
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo