Sociedade | 05-10-2022 18:00

Funcionária da Câmara de Azambuja suspensa por abandonar posto de trabalho

Município decidiu suspender pelo período de 60 dias uma funcionária por abandono do posto de trabalho e faltas injustificadas.

A Câmara de Azambuja decidiu aplicar uma sanção disciplinar de 60 dias de suspensão do exercício de funções a uma funcionária municipal por abandono do posto de trabalho e faltas injustificadas. A proposta, apreciada na última reunião do executivo camarário, foi aprovada por unanimidade com recurso a voto secreto e com a ausência da vereadora do Chega, Inês Louro, por incompatibilidade.
A trabalhadora, cuja identidade não foi revelada, além de ser suspensa durante dois meses arrisca-se ainda a que lhe seja movido um processo disciplinar caso não melhore o seu comportamento e comprometimento com o posto de trabalho que ocupa.
Para o presidente do município, Silvino Lúcio (PS), esta sanção é “uma oportunidade para a pessoa se redimir” tendo em conta que pelas “situações bastante desagradáveis” constatadas por “pessoas com responsabilidade ao nível da vereação, nomeadamente o “abandono do posto de trabalho” eram suficientes para que se instaurasse um processo disciplinar.

Mais Notícias

    A carregar...
    Logo: Mirante TV
    mais vídeos
    mais fotogalerias

    Edição Semanal

    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1587
    01-09-2021
    Capa Vale Tejo